terça-feira, 1 de abril de 2008

A Incógnita da Existência


Silêcio... Escuridão...
Frio! Noite sem luar... Sem estrelas para brilhar!
Onde estou?!
Quem sou eu?!
Para onde estamos indo, nisto que me parece uma viagem?!
Não quero chegar "lá", onde quer que seja, sem saber o"porquê" de estarmos indo!!!
Diga-me... Hey! psiu! Por favor...!
Alguém ajude-me a encontrar um motivo para não dormir até mais tarde.
Alguém pode me dizer o que fazer?!
Mas e se todos estiverem "também" perdidos?!
Então temos que lutar para encontrar uma maneira de fazer algo com
o que temos em nossas mãos...
Um GRANDE mistério, uma incógnita indecifrável!

Nenhum comentário: