quarta-feira, 9 de abril de 2008

Um Sábio Namoro


Hei! fale mais alto! Por favor!
Assim não consigo entender o que você diz, aí do alto e gelado cume da montanha!...
Por que estás tão tímida comigo...
Oh! sabedoria?!
Por que?!
Sabe, minha existência se resume em questões "básicas", tais como:
De onde venho; quem sou; para onde vou e, talvez, o que significa este ato de perguntar sobre o que acabou de ser perguntado ali atrás?!...
Sentar-me?! Claro, inclusive estava ficando um tanto difícil manter apenas o início de nossa conversa aqui em pé, he he.
Mas então, como foi que conseguiu a fama que possui hoje em dia!?
Não é de hoje que a possuo!!! Entende?!
Não! É complexo refletir sobre isto!
Então por que perguntas sobre "como" consegui tal renome?
É que a vida inteira pensei que o significado do posto que ocupas fora mantido sempre à base de árdua batalha e sacrifício!
Oh! não, não! Sou o que sou; desde que você e os das sua espécie assim me nomearam! Aliás, faço parte de vocês, de certa forma... ¬¬... infelizmente!
Sabedoria!?
Sim!
Hmmm! Ein!... Gostaria de pedir um favor particular...
Pois diga!
Ah! sinto-me envergonhado...
Não! melhor dizendo: sinto-me frustrado em não saber "como" pedir isto!
Ora! não faça rodeios; diga o que quer, e avaliarei, assim como bem sabes, de acordo com o significado de meu nome!
... Então Lá vai!...
Eu.... Eu... Gostaria que tu fosses minha namorada!!!!!
Pronto! Falei!
...
...
O quê?????!!!!
Como???!!!!
Como assim como?!
É o que acabo de dizer mesmo!!!
Namorada!?
Sim! Namorada! Hmpf (e ele cisca o chão como galinha, ao não encará-la)...
Hmmmmmmm!
Intrigante o seu pedido! Ela diz olhando para alto do céu, como se refletisse um pouco mais profundamente sobre o assunto.
Sério?! Então irás aceitar-me em namoro?!
Ah!!
Isto é complexo de se responder "agora"!
Como assim?!
Primeiro: você não está com os requisitos "básicos" de que necessito para avaliar se alguém é digno ou não de ser meu namorado!
Ahnnnnnn!
E como poderei conseguí-lo(s)?
Leia!
Ler??
Sim! Simplesmente Leia!
Mas ler o que?
Tudo!
Tudo?
Sim! Leia o que sua mente sentir que tem de ler!
Ou melhor: o pensamento; a idéia; enfim, tudo aquilo que ela não tiver provado antes, que procure nas páginas e nas entrelinhas dos livros, e que procure digerir intelectualmente e, assim, aprender!
Mas como assim?
Simples: Leia sobre o que lhe será "prático" - existencialmente falando - , e não frívolo!
Busque sempre mais!
Suba, suba ao topo da montanha do conhecimento e, se provar a mim que dele bom uso sabes fazer, em pró de tudo e de todos... Então, assim, lhe prometo em nome de meu nome:
Lhe aceitarei como namorado, e seremos UM!
Ual!!!!!
Fechado!!!
Concordas em tentar?!
Mas é claro!
Então comece a correr!
Correr?
Sim! O mais rápido que conseguir!
mas para onde?
..... Tsc tsc... ¬¬
PARA A BIBLIOTECA ACESSÍVEL MAIS PRÓXIMA DE SUA MORADA ORAS!!!!
o.O!!!!!!!!
Fuis!!!!!!!

Nenhum comentário: