sábado, 3 de maio de 2008

O que os Olhos Podem Dizer...


Hoje foi o dia da Revelação sentimental. Tirei um peso da consciência!
Foi um momento longo, rodeado de enigmas "criados" pela minha idiossincrasia mental.
Dia frio, cinzento como o gelo...
Hoje foi o dia em que meu coração colocou-me contra a parede e disse:
- Ou você fala tudo o que sente para quem é alvo dos sentimentos que germinam em mim...
Ou você explode de agonia; pois é assim que farei contigo!".
Então segui, ou melhor, achei melhor não contrariar ou desafiar meu coração; foi melhor ouví-lo e trazer para fora, diretamente para ouvidos "específicos" tudo aquilo que eu precisava dizer.
E disse!
Realmente acho que me embolo fácil com sentimentos!
Na verdade, acho muito difícil para mim lidar com eles.
Para a maioria das pessoas no mundo, é simples e prático.
Basta um papo pro ar... Conversa mole e... Pimba!
É assim que acontece na maioria das vezes!
Eu sou diferente MESMO!
E não gosto muito disso, apesar de estar começando a "descobrir uma vantagem" nisso.
Talvez, por isso, ou seja, por eu ter muita cautela em dizer coisas do coração para alguém que é alvo do "infeliz"... Eu venha a ter mais certeza, ou não, sobre para quem devo "mirar!".
Ah! a vida é tão louca as vezes!
Eu penso em muitas coisas o tempo todo. Isso é fato. Pensar faz parte de mim assim como meus cabelos, olhos e braços...
Como gostaria de um romance cheio de tatos e intelecto!
Cheio de mistérios... Enigmas... Ah! Cheio de tudo!
De Tudo um pouco. Até de "quebra-pau" (no bom sentido de um romance).
Este ano, quero encontrar a pessoa certa para abraçar... Beijar...
Quero encontrar um bom alvo, e dizer que não me importo mais...
E dizer que estou apenas desejando isso...

I´m the one who wants to be with you...
Deep inside I hope you feel it too!
"As coisas mais Belas, são as que não se pode Ter!"...

Incrível como os "olhos" podem dizer certas coisas que, talvez, jamais conseguiriam sair pela boca de ninguém na terra!
Nossos olhos falam por meio de brilhos específicos...
Cada brilho diz uma coisa...
E, princesa, perdoe-me por não ter conseguido entender o que seus olhos me diziam...
Perdoe-me por não saber como interpretar aquele brilho de última hora!
Não...
Se quer saber... Este texto "não é aquele"...
Ainda não estou inspirado a escrevê-lo...
Faltam palavras!
Palavras estão para os escritores assim como os números para os matemáticos! (Marcela Godoy - escritora de O Primeiro Relato da Queda de um Demônio - dando-me dicas em relação a eu querer ser como ela, um escritor) .
Oh! pense o que quiser agora!
Mostrei minha nudez tão protegida...
Agora seus olhos conseguem ver tudo em mim...
Pra você... dedico um Dó major com nona...
Saudações...
Cordiais saudações!


Os poetas, filósofos e demais artistas do pensamento, jamais conseguem viver num mundo tão "mundano".
Penso que eu também esteja quase entrando no mundo deles...
Até alguma coisa me mostrar que não é necessário adquirir todos os atributos que eles possuíram em vida.
Minha sina é o que????
Qual o meu objetivo agora?!
Sei não...

Olha... Mulher é difícil de entender... Tanto que...
Tanto que...

1 + 1 é 4 pra elas!
E isso é difícil de se interpretar aqui!
E como eu SEI bem disso!!!!!

Nenhum comentário: