domingo, 4 de maio de 2008

Poema...

Eu quero viver o presente
Descobrir os mistérios da vida
Contemplar os teus olhos de frente
E beijar os teus lábios querida!

Nossa vida se passa depressa
E o momento pode ser agora
Se perder esse fio da meada
Meu amor pode ir-se embora

Ela não diz nem não nem diz sim
Para isso tenho que implorar
O mistério corrói minha alma
Quando poderá me falar?

Tua presença seria tão boa
Se por ti não tivesses gamado...
Então preciso ir afastando
Este amor, este peso, este fardo!

Diga logo se pensas em algo...
Pois se queres ficar mesmo assim
Vou mudar o amor e teu foco
Vou mudar minha vida no fim!

Nenhum comentário: