terça-feira, 10 de junho de 2008

Ele se Foi


Ah! mais uma vez me deparo com isto...
Você se foi e eu nem percebi (como nas outras vezes)!
Não tivemos tempo o suficiente para brincar...
Eu não desfrutei do tempo em que você estava ali, sempre ali... Por mim e por todos
nós.
E agora só me resta perguntar por que nunca fiz nada, quando tudo o que você queria era carinho?
Agora ela vai te levar para baixo...
Então quer dizer que novamente a escuridão cobriu a luz de mais um amigo meu!
Por que eles se vão assim?
Não compreendo como acontece, e da mesma forma sempre!
Será o lugar?
Será as circunstâncias?
Será a falta de amor ali?!
Não faço idéia!
Agora ficaram três estrelas...


Esta foi a história da morte de Huk, um de meus quatro cães.
Perdi três cachorros numa espécie de virose ou coisa do tipo.
Não entendo por quê, mas os dois primeiros ainda prevalecem, anciães da cachorrada.

Nenhum comentário: