sexta-feira, 4 de julho de 2008

O Teatro do Amor

Hey! corra! Corra! Venha ver!
Pois a cena em que o Amor atua já chegou, neste teatro da existência!
Olhe lá! Olhe lá!
Quantas coisas boas podemos ver naquele palco...
Quantos sonhos podemos assistir dramatizando...

É inútil tentar resistir à emoção deste espetáculo, que comove nossos corações
com cenas de entrega e sinceros sentimentos de valor!
O amor seduz qualquer um que tenha coração para sentir
Ouvidos para ouvir
Olhos para ver!
É sempre assim!...

Independente da quantidade de personagens, e das circunstâncias das cenas...
Amor é amor...

Um comentário:

Ana Baldner disse...

O amor é um lindo espetáculo... por vezes dolorido mas lindo... não devemos resisti-lo apesar de ultimamente eu andar evitando...

bjs e belo poema