quinta-feira, 21 de agosto de 2008

Complexidade


Onde estou flutuando?
Você faz idéia?!
O que é aquela bola azulada logo adiante?
E este círculo que parece de fogo?
Podes sentir este calor gelado?
E esta fragrância de morte ressuscitada?
O olhar que pode ouvir, e o som que faz enxergar...
Que lugar é este, meu Deus?!
Por que pareço não estar respirando...
Por que pareço não precisar disto?!
O que significa estar aqui, e ao mesmo tempo ali?!
Olha lá o que eu posso ver... Você também consegue?
Sinta! Sinta!
Há cem tipos daqueles por aqui também!
E se você confiar em mim, te levarei para um lugar mais seguro...
Não no sentido de perigoso, mas no sentido de "certo".
Mas por que o túnel?
Um número?
Ah sim! entendi!
Será que isto não quer dizer que eu estava lá?!
Hmmm! interessante, não?!
Mas, uma dança como esta, eu não sei não...
Talvez eu saiba até demais sobre seus passos..
Mas não sou de praticá-la diariamente, sabe.

Nenhum comentário: