sexta-feira, 2 de janeiro de 2009

Obrigado por Seu Amor!

Caminhando lentamente pelo bosque
Seus pés tocam suavemente o gramado
Que se estende como um tapete da floresta
Tão sutil, tão delicada, ela é linda!
Sempre me inspirando a compor canções e poemas de amor...
O tempo todo eu penso nela como uma chama para o meu coração
E como é bom vê-la se debruçar sobre alguma coisa
Sinto-a bem pertinho e agradeço a Deus pela existência desta princesa
É como o canto dos pássaros na janela, ao acordar
Como água fresca no verão...
Aroma de flores e frutas frescas....
É o meu amor, que inundou minha alma de bons sonhos
Já não quero pensar em minha vida sem ela...
Obrigado por seu amor, e obrigado por surgir justamente quando eu já não tinha mais esperanças de alguém como "você pudesse existir (ainda que eu ainda não conheça você por plenitude, já me sinto feliz)!

Nenhum comentário: