quarta-feira, 25 de fevereiro de 2009

Amor Polivitamínico!


Naqueles tempos, era como se meu coração tivesse contraído anemia...
Ou como se tivesse ficado desnutrido
pela escassez de alimentos que satisfizessem sua saúde e necessidade de alegria existencial.
Mas quem foi que disse que nossos corações foram feitos ou nasceram para serem satisfeitos existencialmente?
Ora, ninguém!
Na verdade, a tal da "desnutrição" ocorrida se deu através de uma imprudência na administração de minha própria vida; na forma pela qual eu vinha caminhando por esta estrada que me fora indicada pelas circunstâncias tais como as conheci e ainda hoje conheço.
Mas na verdade, tudo o que eu precisava era de uma luz, algo que iluminasse os lugares sombrios em que a ignorância ou desatenção (ou indiferença) predominava.
E por fim apareceu a tão gloriosa Luz!
A estrela da manhã do brilho mais lindo do céu.
Anjo sereno e gentil; viera tomar a atenção deste coração perturbado pelo tempo para sempre!
E o tomou por inteiro!
Agora, onde quer que eu vá, sua lembrança me acompanha, pois é a Princesa dos Meus Sonhos!
A linda Rosa Azul do jardim de Deus.
Plantada em meu coração, ela se tornou a "vitamina" de que meu coração precisava para se nutrir novamente. E com novas forças, surgiu em mim um sentimento que só quis (e só quer) se entregar o tempo todo. Por ela, estarei aqui, estarei ali, lá, acolá...
Por ela, viverei amando...
Dizendo que estarei sempre presente para dar o melhor de mim por este amor, por esta relação!

Nenhum comentário: