segunda-feira, 28 de setembro de 2009

Por ela

Ó Serena musa que aos poucos se revela
Distraído pelo tempo vou passando
Oh! novela!
Não entendo assim de súbito teus pensares
Mas percebo assim aos poucos nos olhares
Como é bela!
Minha é ela!

...

Nenhum comentário: