sexta-feira, 31 de dezembro de 2010

Adeus 2010 - Bemvindo 2011

Faltam vinte minutos para 2011 chegar, e aqui deixo minhas últimas palavras de 2010. É agora o momento de refletir sobre tudo o que aconteceu. Todas as coisas que fiz ou deixei de fazer neste ano que vai nos deixando.
Hora de pensar nos sonhos que realizei ou que brotaram em meu coração. Agora é momento de projetar para o próximo ano novas metas.
Quero mais Amor, mais fraternidade, mais conquistas, mais paz, mais Deus, mais igreja, mais faculdade, mais estudos, mais TUDO.
Espero ser um filho melhor, um acadêmico melhor, um amado melhor, um cristão melhor.
Quero evitar pecados e falhas de minha humanidade que em 2010 cometi tão desenfreadamente.
Quero busca melhorar e aperfeiçoar minhas virtudes.
Espero pelas graças de Nosso Senhor Jesus Cristo. E que a luz paire sobre minha família e sobre todos os meus amigos e amigas.

Há muito o que pensar para o próximo ano; muito o que planejar, que sonhar, que meditar.
Neste novo ano serei catequista e participante da comunidade litúrgica. Serei formando em Letras, e, assim, um novo professor para o mercado de trabalho.
Será um ano de muitas atividades, principalmente eclesiásticas e pastorais.
Também plenejo elaborar meu projeto de mestrado, mas isto fica para depois.
Por enquanto, que a paz e a alegria esteja com todos.

terça-feira, 28 de dezembro de 2010

Oração

Senhor, Tu bem conheces a inclinação do nosso coração, e se a Verdade buscamos, só Tu o sabes. Em Ti, e somente em Ti, repousa a minha alma e meu coração. Pois somente nas Tuas veredas quero caminhar, e debaixo da Tua Lei me abrigar.
Senhor, Oh! Mestre dos mestres, Rei dos reis... Faz descansar meu espírito em Teu leito. E que a Verdade em minha boca habite sempre.
Buda se disse "O Iluminado", enquanto Tu disseste "Eu sou a Luz". Sim, Senhor, pois somente Tu conheces os corações e as inclinações de cada um deles.

Senhor, uma coisa hoje Te peço, que a Verdade da Tua doutrina venha sobre mim, e por mim passe adiante. Que a minha boca proclame a Verdade que provém do Teu Trono. E que, junto dos Anjos e dos Santos, eu caminhe com passos retos e firmes. Que a Palavra seja minha Luz e meu guia, e que a Sagrada Tradição seja meu auxílio Divino aqui na Terra.
Pois Tu o disseste "ide e proclamai o Evangelho a toda criatura". Somente através da Sagrada Tradição apostólica o Magistério Vivo da Tua Igreja permaneceu até os dias atuais. E por isso quero dar testemunho de minha parte, como servo, como apóstolo, como Filho de Deus, feito pelo Batismo.

Quero, Senhor, ensinar, repassar, transmitir aquilo que da boca dos profetas e dos Santos aprendi. Assim como a herança espiritual dos santos padres da Vossa Igreja. A Sã doutrina, o magistério autêntico e vivo.
Porque devemos viver uma só fé.

Louvado seja o Nosso Senhor Jesus Cristo (para sempre seja louvado).

Graças e louvores se dêem a todo momento: ao Santíssimo e Diviníssimo Sacramento.

segunda-feira, 27 de dezembro de 2010

A vida

Há muito o que pensar nesta fase da vida. Estou numa etapa em que tudo o que fizer determinará o futuro com grande importância. E é por isso que tenho de fazer as coisas com muita reflexão antes. Devo pensar, cogitar, e, meditando sobre cada detalhe de cada dia, dar meus passos.
Bom, o que espero do meu futuro?
É simples: uma boa casa, um bom emprego (espero ser um bom professor de universidade), um abençoado casamento (com a mulher dos meus sonhos - VOCÊ), três filhos felizes, um gato e um cachorro daqueles engraçados, e por ai vai...
Ultimamente estou pensando em como resolver alguns aspectos de minha vida amorosa. Isto é importante, visto que não namoro por namorar, mas para ensaiar o casamento futuro. Costumo dizer que um namoro é um ensaio para a grande peça amorosa que é o matrimônio.
Mas não é tão simples assim; preciso, antes, resolver alguns pontos importantes da vida para que tudo faça mais sentido e assim o motor gire.

terça-feira, 21 de dezembro de 2010

Ao Meu Amor♥

A cada dia que passa se faz mais presente em meu coração. Tua voz, teus olhos e teus olhares, tua boca e teus sorrisos...
És tão linda!
É como se o Sol tivesse se encontrado com a Lua!
O Céu e o Oceano se tocando!
Como a chuva que cai e molha a Terra, assim minhas palavras querem pairar sobre o teu coração!
Ah! e como te amo, meu Amor!!!
Como é bom ouvir um simples toque de ceular, e saber que, devido à música configurada "somente para o teu número", é você quem está ali, ligando e acariciando meu coração com um simples toque telefônico.
Meu amor, teus olhos me fascinam...
Tua clareza me ilumina a escuridão da solidão...
Sem você não sou completo...
Preciso me unir, preciso ser mais contigo!
Tua fragrância, qual flor primorosa, de puro néctar...
Faz-me inebriado, numa ânsia por poesias de Amor.
Contigo meu romantismo encontra abrigo...
Um coração para amar...
Um par de olhos para contemplar...
Um corpo para me envolver e abraçar...
Uma alma para me fundir....

Sou teu adjetivo...
Teu complemento verbal...
Sou a cor da tua roupa... num dia anormal...
Sou o calor no teu abraço...
A sensação que tem no beijo...
Sou tua vontade de tocar-me...
E num "Smacks" consumar-se...

Amo a tua presença...
Tua voz e teu sorriso...
Teu jeitinho de menina...
Me encanta e fascina!
Fico sem saber o que fazer...
De tanto amor, e tanto gostar...
Tanto querer e tanto almejar!

Não sei o que faço para dizer o indizível...
Sem palavras digo TUDO!
Com Todas as palavras ainda não disse NADA...
O meu amor por você é imenso...
É como o céu e as estrelas...
Como o mar e as suas criaturas...
É como as folhas de cada árvore da floresta!
Eu te amo!

Minha princesa...
Minha amada....
Minha querida...
Meu Amor!

segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

Das Palavras

As palavras que se escreve, nos livros, nas cartas e nos poemas. Não importa. Tudo o que é escrito ainda não é o bastante para compreender o pensamento humano. Pois não é perfeito.
É preciso mais que as palavras. É necessário a "experiência" de quem escreveu para haver "pleno" entendimento.

Interpretar um autor, um escritor, ou mesmo qualquer amador que se ponha a escrever...
Não é o suficiente, se a palavra escrita no papel for o único parâmetro de interpretação.
A verdade é que quando alguém escreve uma observação ou tese, está utilizando das palavras para expressar seu raciocínio. Mas a experiência de observação e conclusão daquilo que foi experienciado e analisado não pode ser totalmente expressa apenas com o que o vocabulário sígnico (o léxico) tem a nos oferecer.

O que quero dizer é que as palavras de um autor (mesmo se for um profeta bíblico) não serão compreendidas se não formos introduzidos na "mesma" experiência existencial que o levou a escrever.
Digo isto porque sempre há o que não é dito e nem escrito, mas que faz TODA diferença para o texto.

Se eu digo que a paixão não vale a pena (como o dirá o filósofo), é porque não tive nenhuma experiência satisfatória com tal emoção. Mas no que acabei de escrever não há nada da experiência, e sim somente a conclusão do que se experienciou.
Assim também se você quiser compreender o "porque" de eu dizer que a paixão não vale a pena, deve "sentir" aquilo que não foi dito, ou seja, ter tido a experiência de não se satisfazer com a paixão, ou melhor, ter tido experiências nada felizes com a mesma. E assim me compreenderá!

Observando os filósofos, vemos que cada um defende um ponto de vista. Suas experiências com relação à existência são totalmente subjetivas, e por isso são tão contrastantes entre si.
Mas o importante a se observar, com este post do blog, é que não compreenderei jamais a experiência de Sócrates, Platão ou Aristóteles APENAS com os escritos dos tais pensadores. É preciso entender a experiência do filósofo, e não suas palavras.
Acreditar nas palavras apenas é idolatria. Pois as palavras não conseguem ser perfeitas.

Dizer eu te amo apenas, por exemplo, não é o suficiente para amar alguém. É preciso cuidar, zelar, tratar, presentear (até mesmo com palavras, mas não somente com estas). É preciso cantar, desenhar, abraçar, beijar, se doar, perdoar... tudo isso na prática.

sexta-feira, 10 de dezembro de 2010

O Tema

Toda redação tem um tema específico. Todo livro tem uma moral da história, ou desfecho. Toda música canta uma emoção específica.
E meu coração?
Canta Você!
Sim, pois o tema do meu coração é Você, princesa!
Estás estampada nas paredes do meu peito, bem aqui dentro.
E quando penso no brilho dos teus olhos, no cintilar do teu sorriso...
Ah! como gosto, como me dá prazer pensar em ti!
Como é bom acordar, e saber que existe alguém especial em quem pensar.
Há uma pessoa para o meu coração amar, alguém que eu quero beijar e abraçar com todo o meu Amor.
Alguém para quem eu possa dizer, sem medo, que amo e amo muito!

Tu és a cor do meu coração
Tu és o tema da minha canção
Dos meus poemas e demais textos
Tu és a musa que me inspira a cantar
És a linda dos meus sonhos ao Luar!

quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

Minha Princesa

Musa dos meus poemas e sonhos artísticos
Teus beijos são doces, e me fazem sobreviver às catástrofes dos dias
Vou te amando assim, como o mar que ama a Lua e o Luar
Sou teu reflexo na água
Sou teu sonho acordado
Ao despir-te a cruel solidão

Por isso venha!
Venha a mim
Ó meu amor!
Princesa da minha vida!!!
Como te amo!
Como te quero!
Como espero por ti!

Queira Deus que seja breve
Queira o Pai que seja simples
Que os anjos tragam teu colo
Como refúgio para o meu pobre coração.

Ah! coração
Este meu peito palpita por descanso
Por um lugar tranquilo e seguro
Por certezas!
Sim... certezas!
Queria tanto ter certeza das coisas...
Mas a fé me pede certeza apenas de si própria!
E é por isso que busco a fé
E peço a Deus que sejas tu, oh linda das lindas!
Casa comigo, e seja mãe dos meus filhos
Casa comigo e cuida do meu coração, que bate por ti
Casa comigo e deixe-se amar gratuitamente
Perdoa minhas faltas
Assim como perdoo as tuas
Vivas comigo
Caminhe comigo
Aprenda sempre mais
Como eu aprendo e vou aprendendo
Eu te amo!♥

quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

Crise da Própria Razão

A época em que vivemos atualmente é muito complicada. Antigamente (bem antigamente) o povo tinha uma só fé, uma só opinião, uma só ideia na cabeça.
Hoje não temos mais unidade psicológica nem espiritual. Veja só:
As pessoas já não sabem se buscam o médico ou o padre ou pastor, ou o benzedor. Não sabem se tomam remédio ou oram. É complicado.
Na idade média predominava o Teocentrismo (Deus no centro do pensamento humano). Hoje vivemos um antropocentrismo mais egocêntrico que tudo. Não temos mais unicidade nem unidade com as coisas.
O povo está disperso em todos os sentidos. Tudo está dividido e perdido.

Mas o pior de tudo isso, é o fim a que chegamos. A perda da confiança na própria RAZÃO.
É isso mesmo. A razão não é mais a coisa mais certa que temos. O povo não acredita nem no que se pode provar com a lógica. E isto está causando uma descrença exacerbada na população em geral.
Se eu provar em tese das coisas em que creio, tal como dois mais dois são quatro, corro o risco de, mesmo assim, não ser acreditado.
Imagine o tamanho desse disparate filosófico.
A filosofia moderna deve rever seus conceitos e lutar por resgater a fé do homem. Pois a fé chegou ao ponto de questionar a própria razão.

sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

Meu Amor

Amor da minha vida
Princesa mais querida
Estrela do meu coração
Luar no meu sertão
Solo por onde passeiam meus devaneios
Meus sonhos
Meu sonho?
É Você!

Minha vontade?
Fazê-la e vê-la feliz!
Oh! Doce musa
Aquela que inspira meu coração
Fazendo-o melhor e mais amante
Por tua causa sinto vontade de me casar
De viver matrimônio
De sofrer as consequências de um casamento
De chorar por ter de superar as dificuldades matrimoniais
Mas regozijar por ter alguém para ao fim do dia abraçar e beijar!!!
Minha alegria...
Meu Amor!!!
Eu te amo!!!♥

quarta-feira, 1 de dezembro de 2010

Interiorização Amorosa

Por que será que ultimamente estou assim...
Assim meio sem saber ao certo se estou ansioso ou não!
É estranho, porque parece que não estou ansiando tanto por algo, como sempre fiz. Ou talvez minhas orações realmente tenham encontrado a misericórdia divina, e Deus tenha colocado Seus anjos a me ajudar.
Meus sentimentos de ultimamente estão amenos. Um tanto tranquilos. Mas ainda estou confuso quanto ao "rumo exato" que as coisas irão tomar daqui pra frente.
Sei que a verdade é que nunca fui alguém resolvido comigo mesmo. E creio que enquanto não me encontrar, de dentro para fora, não poderei caminhar plenamente pela terra.
Para ajudar meus irmãos preciso, antes, me ajudar. E para entendê-los, é preciso me entender primeiro.
Sei também que sou um mero mortal, um simples humano. Dotado de imperfeições e necessidades básicas e espirituais. Como qualquer ser vivente, um dependente por plenitude.
Sem Deus, como concluí, é impossível viver feliz. E sem meu Amor é impossível procriar e criar uma família de sangue.
Por isso decidi orar ao Pai e pedir para que consumasse a minha relação amorosa. E para que realizasse o anseio de meu coração, em trazer para os meus braços a mulher da minha vida.
Que o Amor vença, e que a Fé abra alas para que ele caminhe por esta passarela. E quando isto entendermos, se entendermos, será o desfecho de tamanho destino amoroso.

segunda-feira, 29 de novembro de 2010

Da Linguagem


Neste momento, penso se já não esgotei todas as possibilidades de expressar o meu Amor. Mas na verdade o que sinto é que estou longe de esgotar minhas possibilidades. Um ponto que explicita esta questão é o fato de a linguagem ser infinita. Posso me expressar de maneiras infinitamente dinâmicas e flexíveis.
Santo Agostinho e seu filho Adeodato debateram sobre a questão da linguagem na obra "De Magistro (do Mestre)". E nesta obra, Adeodato e seu pai se questionam e propõem soluções para explicar a essência da linguagem.
É possível conhecer o objeto "falado" através da palavra que o designa? Posso eu conhecer todas as coisas "somente" pela linguagem falada?
As únicas funções da linguagem, segundo Santo Agostinho, é para ensinar ou aprender.
Pensando nisso, posso eu aprender a ensinar algo sem a linguagem como auxiliar no processo?
Não, não é possível. Ensinar é algo que só se aprende fazendo. Assim como "falar". Só se aprende a falar "falando". Não há palavras para ensinar alguém a falar a não ser falar para aprender a falar.
Tá bom, já fui um pouquinho longe com a filosofia. Então, voltando ao meu Amor, gostaria de comentar que a linguagem é formidável para a expressão de nossas almas.
Posso dizer coisas aqui que tem funções infinitas. Posso escrever como quem quer colher um sorriso, ou lágrimas, ou gargalhadas, ou a própria ira e o ódio.
E porque comento sobre a linguagem?
Porque ela é a única maneira de este Blog falar. Ou melhor, é por ela que este Blog cria asas para voar. Não me é possível fazer outra coisa (aqui) que não "falar" - ainda que de maneira "escrita".
E por ser a fala a única maneira de me expressar "aqui", tenho de lamentar por ela não se perfeita.
Por que não?
Ora, se a fala fosse perfeita não haveria tantos problemas de linguagem e discórdias linguísticas por ai. Mas só para enxugar, digo que não é possível expressar TUDO o que sinto SÓ com palavras. É preciso estar perto de quem se ama (no caso de minhas declarações de amor). É preciso mais que palavras - more than words ¬¬ (he he he).
As palavras só tem UMA função significativa = a de significar as coisas que não podemos fazer na prática ou que queremos materializar num momento em que não é possível, ou quando o que está dentro de nós não pode sair de forma física.
Se eu digo EU TE AMO, isso prova que estou manifestando algo de dentro para fora. E este enunciado significa algo abstrato, mas que num beijo carinhosamente apaixonado encontra o que as benditas três palavrinhas dizem.
Se eu digo "quero um beijo teu", significa que o que estou pedindo é uma ação concreta, não uma palavra, não linguagem. Só usei a linguagem para pedir. Mas o beijo é o objeto do "quero um beijo seu". Então, sendo assim, como posso dizer certas coisas aqui?
Como dizer que te amo?
Se eu ficar a dizer isto...
Vou dizer até quando?
Tem um prazo?
Há adjetivos para engrandecer esta frase?
Há figuras de linguagem intensificadoras de significado?
Há construções frasais mais elaboradas ou profundamente mais tocantes que Eu Te Amo?
Se a linguagem fosse perfeita, creio que não estaria nem fazendo estas perguntas!
A verdade é que os anjos não usam palavras para se comunicar. Porque aquilo de que precisam para executar os planos de Deus não carece de signos, mas simplesmente do significado divino das ações e objetivos.
Se meu olhar te diz o que você já entende, sem precisar de eu dizer algo mais, então as palavras se mostram desnecessárias e supérfluas. O que, em verdade, é a realidade no final das contas.

Mas se fosse para dar um tema para esta postagem, o que eu diria?
Linguagem do amor?
Função da linguagem?
Para quê as palavras?
Como dizer eu te amo diferentemente?
AHAHaUhaUAHuaH...
Ai ai...
Cada coisa...
É cada pensamento que a gente tem!
Sabe, a única coisa divertida deste Blog é poder brincar com as palavras. Mas COMO eu gostaria de fazer algumas delas desnecessárias - pelo simples fato de conseguir executar aquilo que por imperfeição minha tenho de apenas "dizer ou escrever".

Sonhos de Amor

Nós somos duas pessoas que se entendem biologica e psicologicamente. Possuímos a química necessária para poder dizer que queremos nos unir em matrimônio. Somos simpáticos, um ao outro, percebemos a idiossincrasia um do outro, e assim nos amamos.
Sei que uma Lua de Mel entre este tipo de casal vinga em paixão e êxtase. Pois é absoluto o poder do Amor que os une. Não é uma suposição. Não é uma hipótese amorosa.
Nosso Amor é romance, não crônica ou conto. Crônica é curta e fala do mundanamente efêmero. Conto também é curto e possui um único desfecho.
Nosso Amor é mais que isso. É romance. É complexo. É simples. Possui várias tramas e desfechos. Possui até fãn-clubes.
Nós pegamos fogo quando juntos. Incendiamos o coração um do outro, se num profundo e apaixonado beijo. Mordemos nossas mãos em sinal de intimidade. E assim caminhamos buscando o horizonte de nossos sonhos de Amor.

sexta-feira, 26 de novembro de 2010

Matrimônio ou Ordem?


Ontem estive na clínica do Dr. Edjair para mais uma consulta e, inesperadamente, eis que encontro o Pe. Adão no mesmo lugar, pelos mesmos motivos, digamos.
Foi interessante descobrir que o pároco de minha paróquia também tem necessidades médicas semelhantes às minhas; algo que eu jamais imaginava.
Neste dia o Pe. fez, como sempre faz aos jovens, o convite para que eu estudasse para me tornar um sacerdote como ele. Tal proposta sempre me foi confusa de ser recebida. Nunca pensei com profundidade a respeito do assunto. Aliás, fiz um encontro vocacional para padres no início deste ano e não me senti a vontade para aderir ao chamado do seminário. O motivo se dá por eu ainda querer casar e amar minha mulher para sempre.
O Dr. também ouviu a respeito da proposta, quando entrei no consultório, e perguntou "por que não?", mas logo em seguida me fez um gesto (que publicamente seria vulgar e obsceno) que indicava que eu não conseguiria manter o celibato por causa de um detalhe. E disse assim "depois disso aqui (gesto) seria difícil, não é?!"
Então, pensando sobre ontem, fiquei um pouco preocupado com minha carreira e com meu futuro como filho de Deus. E fiquei imaginando se é Deus quem está me chamando para serví-Lo de corpo e alma. Pois se isto for Verdade, significa que minha atual situação de amor se traduz numa prova para me testar. Mas se não o for, uma mudança de pensamento de minha amada terá de ocorrer, mais cedo ou mais tarde.
Esta é a única forma de entender e assimilar a realidade que nos ocorre ultimamente.

quinta-feira, 25 de novembro de 2010

Meu amor³

Meu amor, se queres um abraço forte
Se queres um beijo intenso
Um Amor que te proteja do frio
Um olhar que te aqueça o coração
Sim!
Terás em mim tudo isso!
Pois te amo e te quero bem
Tu és a princesa que habita o meu coração
Como a Rosa Azul que balança pela brisa num jardim
Se queres alicerce espiritual para caminhar
Uma fé que te ajude a orar
E intercessão por teus medos e necessidades interiores
Sim!
Terei tudo isso, pois te ofereço a Deus no santo altar
E te convido a ir comigo ao Santíssimo Sacramento
Conhecê-lo e benzidê-lo
Te convido a partilhar da minha fé
E buscar nela a verdade que conheço
A verdade não é relativa
É objetiva, é uma só!
Sim, tu estás com Cristo
Sei disso
Mas Cristo também te convida a comungá-Lo
Não só de Palavras
Mas na Santa Carne e no Santo sague
Comê-Lo "verdadeiramente"
Bebê-Lo de verdade
E isto vai abalar as estruturas da alma
Como as minhas um dia começou a abalar

Meu bem, em ti encontro Amor
E se quiseres meu Amor em ti
Basta compreenderes o Espirito Santo que compreendo onde tu estás
Onde estou!

Uma só Igreja

A Santa Igreja só é assim chamada por ter seu fundamento em Jesus Cristo. O fundador supremo da Igreja. Muitos acusam a igreja de instituição humana e "meramente" humana. Não compreendem que faz mais de dois mil anos que Jesus disse a Pedro que nele seria edificada a verdadeira e única igreja Cristã. E por ser Jesus o fundador, ela é Santa. Os homens podem até pecar dentro dela, como São Pedro, que era pecador, e os demais Papas, padres e leigos que nela cometeram atrocidades morais. Mas isto não nega a santidade da igreja. Pois na misericórdia de Deus Ele quis a igreja feita entre os pecadores, JUSTAMENTE para salvá-los.
Depois de mil e quinhentos anos, mais ou menos, a igreja sofreu uma ruptura, que deu início infindável às demais rupturas eclesiais das igrejas que protestaram.
Hoje eu entendo que a ruptura foi um erro "igregístico". Digamos assim porque a reforma se deve ser feita de dentro para fora, e não de fora para dentro. Quando você varre uma casa, você a limpa de dentro e joga a sujeira para o lado de fora.
Não é assim?
Pois bem. A igreja Católica sofreu uma ruptura com Lutero, e aqueles que fazem rupturas e que se afastam de um seguimento para "criar" o seu próprio é como se fosse seguidor de Lutero. É luterano e não cristão. Cristo não instituiu o protestantismo entre os apóstolos, mas a igreja santa em São Pedro. E as portas do inferno jamais prevalescerão contra ela, como vemos até os dias de hoje.
Você pode abrir a igreja que quiser, baseada em opiniões humanas. Mas garanto que o Espírito Santo não cria divisões. E que a igreja católica jamais se dividirá até a consumação dos tempos. Pois Jesus disse "há um só espírito, um só batismo, uma só igreja".

Se você esteve fora da igreja por todo esse tempo, ou se não a conhece por dentro, no coração espiritual da Santa Igreja, nós convidamos, felizes em Cristo, para que faça a sua experiência com a Igreja de Cristo legada à Pedro.
Pois somente aqueles que compreendem o porque de ser uma só igreja entendem a salvação que ela prega através dos evangelhos.
Se você entender que a nossa missão como Cristãos Católicos (universais) é a de levar Jesus a todos, perante todos os santos que em Cristo morreram, e todos os anjos e arcanjos, como numa família completa...
Entenderás do que estamos falando há dois mil e poucos anos.

Seja bem-vindo à Igreja Universal, sem divisões. Aqui conhecerás Uma só fé.

quarta-feira, 24 de novembro de 2010

Religião

Credo Apostólico

"Creio em Deus pai, Todo poderoso
Criador do Céu e da Terra
Creio em Jesus Cristo, seu único filho, Nosso Senhor
Que foi concebido pelo poder do Espírito Santo
Nasceu da Virgem Maria
Padeceu sob Pôncio Pilatos
Foi cruxificado, morto e sepultado
Desceu à mansão dos mortos
Ressucitou ao terceiro dia
Subiu aos Céus
Está sentado à direita de Deus Pai, Todo Poderoso!
Donde há de vir e julgar os vivos e os mortos
Creio no Espírito Santo
Na Santa Igreja Católica
Na comunhão dos Santos
Na remissão dos pecados
Na ressurreição da carne
Na vida Eterna
Amém!



Eis a fé que um dia deixei de lado para buscar outras verdades. A fé que abandonei por um período de confusão filosófica. Quando buscava Deus nas coisas materiais.
Eis a fé que agora abracei novamente. Fé esta que mudou a minha vida.
Pois o credo é o credo apostólico. Herança dos apóstolos, tradição VIVA da igreja.
E isto é inquestionável para um cristão católico.

Agora quero tratar aqui de uma coisa simples, porém causadora de muita confusão no meio religioso-cristão.
A Bíblia!
Sim, a bíblia é a Palavra de Deus escrita por mãos humanas. É o jeito como Deus é PARA o homem. Não é possível definir Deus, não é possível entendê-lo senão pela fé e pela revelação.
Inspirados por Deus, os profetas nos deixaram uma herança cultural-religiosa que perdura, de certa forma, até os dias de hoje.
Mas não podemos acreditar que a bíblia criou a religião ou a cultura. Muito pelo contrário, foi a religião do homem quem escreveu e compilou as Sagradas Escrituras. E como entender isto sem atentar para um fato puramente "histórico"?!
A bíblia não foi escrita sem antes ter sido "contada" por tradição ORAL. Entender o que é a tradição oral é compreender que a bíblia NÃO veio antes da tradição. É preciso analisar e discernir BEM sobre este fato.
Moisés, o primeiro escritor bíblico até então conhecido pelos documentos Sagrados, foi o primeiro homem a juntar a tradição oral e "registrá-la" de forma impressa no papiro. Isto significa que houve necessidade de perpetuar de modo "literário" aquilo que o povo já vivia na tradição falada, de boca em boca, de pai para filho.
E por que estou dizendo isto?
Porque é preciso entender que a Tradição Católica tem fundamento Sagrado SIM!
Não é possível negar isto se compreendido a questão da tradição oral antiga.
Ora, vejamos o exemplo dos Evangelhos. Jesus não deixou NADA escrito. Não nos pediu para ler nada na ora da evangelização dos lares, mas simplesmente "ir e pregar o evangelho a toda criatura". O evangelho era pregado e disseminado de modo puramente "tradicional" e oral entre os povos das primeiras comunidades cristãs.
O primeiro princípio protestante que surgiu (com Lutero) foi o "Sola Scriptura"(somente as escrituras). Significa que para a salvação da humanidade bastaria ler a bíblia.
Mas não é só isso. Lutero disse também que a tradição viva da Igreja não precisava existir para interpretar as Sagradas Escrituras. Disse que bastaria ler os evangelhos por si somente e assim o Espírito Santo revelaria para o leitor leigo, a Vontade de Deus.
Como pode isto ser a verdade, se, nos resultados observados, hoje em dia, entre as milhares de denominações cristãs (seitas protestantes), há milhares de interpretações DIFERENTES para os mesmos livros?
Bastaria analisar com a razão para compreender que há um fator X que determina esta multiplicação de igrejas: a "Sola Scriptura" de Lutero.
Quanta confusão se criou desde aqueles tempos...
Mas não pára por ai. Há também o princípio protestante "Sola Fides" (somente a fé) para a salvação. Ignora-se completamente as "boas obras" que a Sagrada Escritura ensina. Pois uma fé sem obras também é morta!
Tudo isto porque um homem deu o ponta-pé inicial para a divisão entre os cristãos. Um homem e mais alguns participantes de suas ideias deram início a um processo "diabólico" (separador) dentro da igreja que caminhava desde a ressurreição de Nosso Senhor.
Por que o termo "diabólico"?
Digo isto porque esta palavra significa "divisão". E tudo o que causa divisão é diabólico (não satânico no sentido espiritual).

Gostaria de não ter de escrever este tipo de defesa da fé AQUI, mas a ocasião e os meus sentimentos pediram para expressá-la. Então aqui deixo um pedacinho de apologética católica.

A palavra Católica vem do grego catholikón que significa "universal". Por isso, quando me perguntarem de que religião sou, direi "cristão universal", pois vivo uma só fé com a igreja, um só batismo, um só sacramento de salvação. Não me confundo. Já me confundi antes, mas não mais.
Jesus institiu esta igreja há dois mil anos atrás. E até hoje vivemos o magistério, a tradição dos apóstolos - pois Paulo diz para guardar as "tradições" orais ou escritas que os apóstolos deixaram.
Não é prepotência humana negar isto?
Sim, é muito fácil limitar a bíblia, e limitar-se "à bíblia". Mas não é a Verdade. Deus está na Tradição, pois do cotrário Ele se contradiria.
Deus jamais se contradiz. E na bíblia não há UM versículo que prova a "Sola Scriptura", logo, é inválido.

Tudo isto é uma espécie de guerra para saber quem está seguindo a Jesus com maior Verdade. Mas na realidade, Jesus disse que as portas do inferno jamais prevalescerão contra a Igreja que ELE fundou em São Pedro. E eu garanto: na Pedra em que Jesus fundou a igreja, eu confio, e nela tenho a certeza de que estou!

A infalibilidade da igreja vem do Alto, e não dos homens. Tanto é que os santos salvaram a igreja em todos os períodos de falta de fé e confusão.
Inclusive quando os causadores de discórdias Lutero e Calvino apareceram também surgiram grandes homens usados por Deus para defenderem o magistério e criar a contra-reforma.

Mas como é triste quando as pessoas não enxergam isto. E vem coisas com olhos protestantizados. Configurados para crer em algo inverídico. Acreditando que suas interpretações "pessoais" das Sagradas Escrituras são verdadeiras acima das interpretações do Sagrado Magistério Episcopal.
Nosso colégio de Bispos estuda noite e dia para passar uma maneira melhor de lidar com o evangelho, enquanto muitos se preocupam em atacar a Igreja e chamá-la de Babilônia (absurdo) ou prostituta.

Mas graças a Deus aqueles que se dispuseram a estudar a igreja, em unanimidade se converteram e o preconceito caiu por terra. Temos vários exemplos, como Scott Hahn, ex-calvinista, Pe. Cleodon, ex-pastor da Assembléia de Deus, e muitos outros.
Todos resolveram se questionar sobre a Verdadeira igreja de Jesus, e descobriram algo fascinante ao conhecer a Santa Igreja. Descobriram que nada do que se falava em cultos ou reuniões protestantes era verdade. Não passava de preconceito e más compreensões. Pessoas que sequer compreenderam os princípios Luteranos protestavam sem saber ao certo contra o que e para que.

Só se ama o que se conhece. E isto eu sei. Quanto mais conheço os dogmas, sacramentos, magistério, mais tenho a convicção de que tenho um papel importante para a Igreja, o de ajudá-la a levar Jesus Sacramentado às pessoas.

"Eis o mistério da Fé"

terça-feira, 23 de novembro de 2010

Meu AmoR²

O que sinto agora só Deus sabe. Um sentimento profundo, porém ameno, e não mais desesperado como outrora. Conformado com o simples ato de Amar. Sereno. Calmo. Brando.
Hoje penso em como está a minha vida, os meus pensamentos e meus sentimentos.
Tanta coisa já aconteceu. E meu amor continua aqui. Só que desta vez ele não vai gritar, não vai entrar em pânico como antes. Vai sussurrar apenas...
E neste sussurro haverá um suspiro de meu coração.
Sei que você está aqui, lendo-me como o mar lê o luar. E por isso estou aqui novamente, para dizer que nosso amor é capaz de fazer o melhor carinho. E dar o melhor beijo. Posso pegá-la em meu colo, e carregá-la para o nosso leito de amor... Onde repousaremos a cabeça e o coração.
Este amor foi feito para nós, e somente para nós. Só ele possui a promessa que um matrimônio possui.
Tu és a mais linda...
A mais graciosa...
A mulher que me faz querer beijar, querer abraçar, querer amar!!!
A mulher por quem meu coração palpita, compondo canções.
O canto do vento é assim...
Uma melodia só para ouvidos específicos!
Querida, seja para sempre o amor da minhda vida. Não desista de respirar. Não desista de buscar realizar-se neste amor. Não desista de ser quem tu és para mim.
Sejas forte como o Amor é forte. E permita que Ele a toque sempre, movendo teus passos sempre na direção dos nossos sonhos.
Sejas minha princesa, e futura rainha.
Sejas mãe...
Sejas namorada...
Sejas esposa...
Sejas amada!!!
Busque forças no além, onde só o Amor mora

sexta-feira, 19 de novembro de 2010

Meu Amor!


Quando você levantar
Lembra que estou aqui
Esperando pelo teu sorriso
Pronto para te abraçar e te beijar
Quando abrir os teus olhos
Lembre-se que estarei sempre aqui
Com muito amor para te dar
Com um amor gratuito
Lembra que sou teu anjo
Que estarei sempre pronto pra você
E nunca deixarei o teu corpo sem o abrigo dos meus braços!!!

quarta-feira, 17 de novembro de 2010

... Sepultado

Ultimamente tem acontecido coisas extraordinárias em relação ao que eu contemplava de minha situação amorosa. A verdade é que sempre acreditei na imprevisibilidade da vida. As surpresas que os dias nos trazem.
Mas não é em vão ou por acaso que tudo está acontecendo assim. Sei exatamente o que tem causado tais mudanças. Minha fé, em primeiro lugar, é de que Deus está por trás de tudo o que acontece. Deus é Supremo, Eterno e Onipotente. E pela oração tenho alcançado muitas graças. Ao conversar com o Pai, tenho pedido perdão por meus pecados. Tenho pedido para nunca me esquecer da miséria que sou. E também tenho pedido para que algumas coisas, em relação à Verdade, aconteçam. E que os caminhos sejam abertos.
Enfim, tenho visto muitos milagres ocorrerem diante dos meus olhos. E o maior deles, porém, ainda está por vir...
E pela fé anseio contemplá-lo em Verdade e Vida.

Meu amor, tu és a Princesa que me agrada. Tu és linda. Tu és serena e, com certeza, é a dona do colo que me refugia a solidão. Por isso quero declarar-te o meu amor, quero demonstrar-te minha vontade, e entregar-te o meu coração, num Amor profundo, verdadeiro, sereno, amigo, humano, divino, perfeito.
Eu te amo!

quinta-feira, 11 de novembro de 2010

Infeliz plano de celular

Tem coisas que nos deixam muito de cara. Por exemplo, o fato de eu ter recarregado meus créditos no celular (ontem) e depois receber uma mensagem dizendo que minha assinatura Flycell havia sido realizada com sucesso. Tal assinatura cobrava R$ 4,99 dos meus créditos a cada mensagem que o site enviava para mim...
Grrrrrrrr!!! Mas que raiva!!!
O pior é que foi culpa minha em ter tentado enviar mensagens grátis pela internet na semana retrasada, fazendo com que o site cadastrasse meu número em seu plano ladrão!!!
Já liguei na TIM, de onde o funcionário atendente sugeriu que eu enviasse um torpedo com a mensagem "SAIR" para o número da Flycell. Fiz isto. Mas depois de duas semanas, ao recarregar meu bendito celular (na ânsia de falar com meu amor) me vem a seguinte mensagem "sua assinatura Flycell foi realizada com sucesso".
Vê se pode uma coisa dessas!!!
Será o pé do cabrito (como diz a noiva do Calil) que terei de viver com esta sina infeliz até trocar de número!?
Bom, espero que tenha sido cancelado este maldito plano Flycell. Estou muito de cara com o fato de consultar meu saldo e encontrar APENAS R$ 1,30 (se ontem coloquei R$ 12,00).

segunda-feira, 8 de novembro de 2010

O Primeiro Olhar

Quando nós trocamos o primeiro olhar
O meu coração pediu pra se apaixonar
Igual ao sol que nasce e só pertence ao dia
Quando nasci o meu amor já te pertencia.

Se não existisses eu te inventaria
As estrelas se eu pudesse te daria
Prometi a Deus que ao céu vou te levar
E vou gritar pro mundo ouvir
Que sempre te amei e vou te amar.

Foi no primeiro olhar que eu te consagrei o meu amor
E nada vai nos separar na alegria ou na dor
O mundo não verá o nosso amor se acabar.

Logo no primeiro olhar Deus nos casou
E escreveu seu nome e o meu no azul do céu
Pra sempre vou te amar.

domingo, 7 de novembro de 2010

Meu Querido Amor

Meu Deus!
Que essência é aquela
Que toca meu ser
E que toco ao beijá-la?
Lábios tão doces...
Um abraço tão gostoso...
Um toque suave e carinhoso
É tudo o que vem do seu amor!
É tudo o que brota do nosso coração!

Ao beijá-la, num silêncio de amor:
- Casa comigo!
Ao tocá-la em sua face e acariciar seus cabelos:
- Casa comigo!
Ao abraçá-la com toda a força e sinceridade:
- Casa comigo!
Ao olhar em seus olhos, num profundo olhar:
- Casa comigo!

É assim...
Motivos extras para louvar a Deus: a beleza e o carinho dessa união!

sexta-feira, 5 de novembro de 2010

Essência Vital-Amorosa


Já escrevi neste blog antes sobre o que estou pensando neste exato momento, mas volto a repetir o tema com outras palavras. Estou refletindo sobre a necessidade que os seres vivos tem de se alimentar. Ora, o ato de se alimentar consiste em repor as vitaminas e os nutrientes de que o organismo necessita para sobreviver e se sustentar enquanto participa do ciclo vital. Este fato me intrigou ao encontrar similaridade com o que ocorre no ato de amar uma pessoa. Quando me peguei amando uma certa pessoa, que prefiro chamar de "Princesa", me vi qual organismo que precisa de uma certa vitamina para poder se desenvolver completamente. Foi isso! Senti que Ela contém o essencial para a necessidade do meu coração. E se o coração é o centro da vida, ou seja, o que faz tudo ter sentido, como Coríntios 13 vai ressaltar com divina perfeição, realmente Ela é uma parte importante do que existe aqui dentro em meu peito. Assim como preciso de vitamina C, por exemplo, pois o que a vitamina C é corresponde ao que já habita em meu organismo, Ela é uma partícula de algo essencial para o que já existe dentro do meu coração: meu Amor.
E se Ela é o Amor que faz bater mais forte o meu coração, então não há porque negar poemas, textos, declarações, sussurros, palavras e atitudes amorosas. Não há porque não dizer em cima dos telhados que a amo. E o mais evidente é que nada disso seria considerado "loucura", pois loucura é algo que não se justifica. Loucura é insanidade, algo sem explicação, e por isso é ilógico. Mas o que faço, em nome deste Amor, não é sem nexo, pois se justifica naquilo que acabei de explicar. As vitaminas. Ela é a essência do que tenho em mim. Pois em mim já existia, antes de a conhecer, a idéia real da Princesa. Por isso, bemvinda ao meu coração, Princesa de Deus! Seja bemvinda e bem cuidada. Eis aqui um poeta, um discípulo, um homem. Alguém que te quer fazer sorrir sempre, e dizer, a cada vez que se sentir triste, fraca, desanimada...
Eu te amo!!!

♥LL♥

quinta-feira, 4 de novembro de 2010

Luza asor

Aonde quer que eu vá...
O que quer que aconteça...
Não importa!
Faça chuva
Ou faça sol...
Você está aqui
Comigo!
E mesmo que eu me esqueça
De respirar por um segundo
Por um segundo sequer
Me esqueço do teu olhar
E do teu sorriso!
Porque é azul este Amor
Azul como o céu
E como o Mar
Azul como uma única Rosa pode ser
Pois é no Céu onde habitam os anjos
E aqueles que andaram com Deus
Um dia lá estaremos nós também

Enquanto isto, vou construir
Contigo
Um reinado de Amor
Onde a princesa receberá sua flor
Nos campos mais verdejantes

Meu Amor

Ah! o beijo...
Ah! o abraço...
Nossos Beijos e os Abraços!
Cada um revela a força
Que tem o nosso Amor!

É como um dia de chuva
Que retrata a beleza da vida
Ao cair da água sobre a Terra!

Vou carregar-te em meu colo
E te dar meu carinho
Vou falar-te baixinho
Em teus ouvidos
Que te amo tanto
E te quero cuidar

Por isso vem
A lentos passos
Para os meus braços
"Pois eu vou
Seja aonde for
Só pra te encontrar
E te abraçar
Com o meu amor"

quarta-feira, 3 de novembro de 2010

Oração

Diante de Vós, Senhor, apresentamos o fardo dos nossos crimes e simultaneamente as feridas que por causa deles recebemos.
Se pensarmos no mal que fizemos, é bem pouco o mal que sofremos e muito maior o que merecemos.
Foi grave o que ousamos cometer e leve o que agora sofremos.
Sentimos que é dura a pena do pecado e no entanto não nos decidimos deixar a ocasião dele.
A nossa fraqueza geme esmagada sob o peso dos castigos com que nos punis justamente, e a nossa maldade não quer se desfazer dos seus caprichos.
O espírito anda atormentado, mas a cerviz não se verga.

A nossa vida suspira no meio das dores e não nos corrigimos.

Se contemporizardes conosco, não nos emendamos, e se tirais de nós vingança, gritamos que não podemos.

Se nos castigais, sabemos declarar que somos réus, mas se afastais por um pouco a Vossa ira, esquecemos logo o que deploramos.

Se levantardes a mão, logo prometemos a emenda, se retirais a espada, já nos esquecemos da promessa.

Se nos feris, gritamos que nos perdoeis, se nos perdoais logo entramos de Vos provocar.

Tendes-nos aqui, Senhor, diante de Vós, confessamos os nossos pecados; se Vos não amerceais de nós, aniquilar-nos-á a Vossa justiça.

Concedei-nos Pai onipotente, o que sem merecimento algum de nossa parte Vos pedimos, Vós que nos tirastes do nada.

Por Nosso Senhor Jesus Cristo.



Amém.




Sto. Agostinho.

terça-feira, 2 de novembro de 2010

South Princess


Há uma princesa no Sul
No sul de meu coração
Ali ela vive um reinado
Um reinado de amor
Pelo império dos nossos sentimentos!

Ela é uma princesa enclausurada...
Acorrentada e trancafiada numa masmorra;
Dura masmorra!
Torre de aço, feita somente para "ela!"
De lá ela olha
Pela janela de seus sonhos íntimos
Buscando a minha direção
Quando prometo-lhe visitá-la
Ao sopé da fria torre

A princesa nem imagina
Mas o amor que eu sinto por ela
É feito de poesias e canções
Joelhos dobrados e orações!
Promessas a Deus por um lugar melhor...
Pedidos e anseios

Quero levá-la comigo
A um lugar tranquilo
Cheio de paz e muito amor
E trazê-la ao nosso leito...
Onde repousaremos juntos
Qual ninho dos cisnes

Envolvê-la em meus braços
Tirá-la do frio inverno
E aquecê-la em meu peito
Tirar-lhe do lasso¹ leito!!!




1 - Cansado.

Refletindo uma Partilha

Nesta manhã de terça-feira juntamos um pequeno grupo de jovens e fomos adorar Jesus. Infelizmente poucos atendem ao convite quando chamamos. Geralmente é assim. Mas nos poucos que foram a graça sobreveio e pairou no meio de nós. Isto consola e conforta o nosso coração.
Num dado momento, lembro agora, uma amiga irmã em Cristo nossa partilhou conosco que suas amigas de faculdade a chamam de fanática religiosa ou, no mínimo, de religiosa exagerada. Pois em todos os movimentos da igreja ela se faz participante. Logo após disse também que tem muito medo de encontrar um parceiro amoroso que a tire do caminho de Deus. Alguém que não contribuia em sua caminhada de Fé.
Estava eu ajoelhado, próximo a ela naquele instante. Fiquei pensando, enquanto ela nos comunicava sua partilha, no quanto aquela idéia era (e sempre será) louvável!
Uma garota como ela, dizendo tal coisa, no mínimo merece um "contine assim... Deus a abençoe muito!".
Fiquei super feliz ao ouvir aquilo. Porque os jovens de hoje em dia estão buscando coisas passageiras e desprendidas de valores transcendentais e eternos.
Assim como minha irmã em Cristo, quero me casar com quem me "suportará" (dar suporte) na fé.
Pela fé caminharei e vencerei o mundo. Pela fé pisarei serpentes e víboras. E ainda que seja picado com veneno, nada me atingirá - pois Deus estará comigo sempre!

segunda-feira, 1 de novembro de 2010

A Espera


Uma coisa que muito me toca é quando observo um bebê. Geralmente quando este tem lá seus três aninhos. Olho para ele e, por um momento, fico divagando em minha imaginação. Penso muito em como será meu filho (ou filha, preferencialmente). Mais que isto, penso em minha futura família. Aquela que se sustentará a partir de "mim". Serei um pai de família um dia? Espero muito que sim.
Voltando para a criança que observo às vezes, começo a pensar no quanto amo esta idéia. Sim, só de imaginar um filho(a) em meu colo. Um ser humano que poderá vir através de minha humilde existência. Alguém dependente de meus conhecimentos para se desenvolver. Nossa. É incrível. Começo a sorrir. Primeiro por dentro. Depois externizo.
Mesmo que isto seja apenas uma devaneio de meu coração amante. Mesmo que não seja o plano de Deus para um futuro não tão distante... Ainda assim agradeço ao Pai por pelo mesmo ter a oportunidade de sonhar com isto. E tudo isso com "Você!".
Sim. Pois a alegria que nasce em mim, em meio à divagação onírica da minha vontade, em meio a tanto sonhar, é esplêndida.
Não estou interessado num futuro que não está ao meu alcance (e nunca estará, pois o futuro é abstrato). Quero saber do presente. Do que sinto "agora". E do que posso pensar para agora. E a verdade é que quero formar esta família feliz. Fundada na Amor da Sagrada Família cristã. Cheia de valores. Cheia da graça. Abençoada com orações. E independente de com quem estiver, assim o será. Mas a minha vontade é que seja com "Você". E é por isso que direciono-me agora, na tua direção, olhando (simbolicamente, pois não estou presente ai agora) para ti. E confesso que pensei que iria morrer ao me distanciar de ti. Por um momento achei que a minha razão de existir tivesse se dissipado no ar. Como se o vento tivesse varrido minha plenitude amorosa qual folhas no chão.
Mas de alguma forma você voltou para a minha atenção. E de algum jeito tocou meu coração novamente. Com mais força que antes. Com maior "sutileza".
Agora percebo que nunca serei completo, no que se refere ao Amor humano, consgrado por Deus no Sacramento do Matrimônio, sem esta consumação.
Talvez Deus tenha preparado outra pessoa lá na frente. Mas isto é uma fuga hipotética minha para não dizer que te quero para sempre. Pois na verdade o que quero é me casar contigo. Desde já o confesso. É minha vontade. É o que penso e sinto. Não tenho porque esconder. Mesmo que seja difícil. Mesmo que por enquanto isto seja algo impossível de se imaginar. Mesmo que pareça a coisa mais complexa do mundo. O que importa é que sinto que tudo só estará bem se você consumar-se a mim em matrimônio. E disser "Sim" no altar de Cristo. E certamente, neste dia, eu chorarei copiosamente. Pois estas futuras lágrimas expressarão a importância de tal consumação!

Para Ti


Apresentei meu sonho a Deus
E disse a Ele o quanto quero
Ser agraciado com esta realização
Com a concretização deste lindo sonho
Coloquei todo o meu querer em Seu santo altar
E ali prostrei-me de joelhos por longas horas
Falei de tudo que me aflige
Clamei por toda a piedade
Me confessei um pecador
Indigno de qualquer atenção
Mas também pedi por misericórdia
E por toda redenção
Apresentei meu sonho a Deus
E disse "Pai aqui está!"
A Ele dei meu coração
Para um outro aqui ganhar!
Pois a princesa que me toca
Meramente com o olhar
Se faz linda quando noiva
Se põe a imaginar

"Minha nossa", eu digo sempre!
"Pelos anjos do céu", suspiro!
Quero tê-la em meus braços
Eu por isso me atiro
Aos pés da cruz, no santo altar
Rogando ao Pai que me sustente
E diga "sim", é este o plano...
Fiques desde já contente!

O mundo gira e dá suas voltas
E hoje aqui me encontro "again"
Olhando para o céu, à noite...
Pensando muito em certo "alguém!"
Ela suspira por Amor
E eu suspiro cá também
De Amor vivemos nossos textos
Dizendo "faça-se! Amém!"

Por ela eu digo "Eu Te Amo!"
Por ela eu digo "Venha cá!"
Sem ela tudo está tão frio
Se não estamos juntos "lá¹"

1 - No leito do Amor.

♥ Eu amo Você ♥


Só de tê-la tido por perto
Bem ao meu lado
Sentada a conversar
Um arrepio e um calor
Passaram por mim
E meu coração tremeu

Seu olhar tem a capacidade
De "tocar" em mim
Ainda que a distância
E seu sorriso é tão gostoso
Que me faz sentir vontade de voar
Uma coisa boba assim
Parece um sonho de criança
Mas ao mesmo tempo me faz crescer
Pois quem ama assim
Quer formar algo maior
Em nome do amor
Algo que dure para a vida toda
Algo firme
Forte
Sagrado
Consumado
Algo que se refere ao ouro
"Não à prata"
Como você me diz

Ah! como é gostoso ouvir isto
E saber que vem de "Ti"
É como se o que sonhei na noite anterior
Tivesse se realizado em pleno dia

Mas não foi assim?
Realmente...
Tive até medo de abraçar-te
Medo de apertá-la em meus braços
Porque é tão bom o que sinto
E tão forte se faz
Que pensei...
E apenas pensei em falar...
Mas já tinhas partido...
Ficou a vontade...
Mas não a saudade...
Tive você tão perto
E ainda agora inflama meu peito
Dentro de um sentimento puro
Puro Amor!

É como se você estivesse aqui
Olhando para mim
Ainda falando com a sua doce voz
É a única voz feminina que quero ter
Para dizer coisas que somente uma pessoa...
Somente uma pessoa poderia me dizer!

Hoje tenho a confirmação daquilo que me causava dúvida...
Algo que sempre se manteve em minha consciência
Mas que agora se mostra tão verdadeiro
Quanto o azul do céu!

Não posso parar...
Porque esta é a minha essência
Porque se eu não puder ser o que sou
Não quero ser outra coisa!
E se não puder sentir o que sinto...
Sentirei o que mais?
Meu Pai, do céu, só me deu "este" sentir
Pois meu coração foi feito por Ele...
E Você... em Você meu coração focou...
Estacionou...
E armou acampamento!
Vou pernoitar nesta tenda...
Esperando o orvalho da madrugada pairar
E tocar nossas cabeças
Abençoando-nos como duas crianças
Dando-nos uma parque para brincar
Um jardim para cultivar
Sim! Um lindo jardim!
Onde todas as flores habitam
E nós...
Nós...
Somos os jardineiros responsáveis!

A Princesa Enclausurada


O rei aprisionou a princesa nas masmorras reais
Disse a ela que o guardião de sua beleza não poderá vê-la jamais!
Tocou em suas feridas filiais, abrindo-as novamente...
Desmerecendo até mesmo a sua condição real de princesa!
Oh! triste evento!
Triste saber!
Por que desse jeito?
A princesa se vê perdida em meio à tantas correntes...
Ao redor: um quarto esguarnecido...
Das masmorras ela pensa no que acontece;
Tenta refletir sobre os porquês e para-quês...
Busca razões para tanto aperto...
Tanta provação!
Do seu leito o guardião rumina sentimentos e pensamentos.
Comparando a importância que ela tem e a dificuldade em se chegar a ela.
Oh! como é difícil tanta beleza!
Tanto querer!
Tanto gostar e amar!
Por todo esse tempo que se enclausuraram de si mesmos...
No deserto dos corações...
Buscaram a verdadeira felicidade, mas a dúvida crescera mais ainda.
E uma chama se mostrou acesa, apesar de tudo...
Ela sabe disso...
Ela percebeu!
Apesar das paredes frias da masmorra de sua proibição...
Ela sabe!
E ele apenas observa, ao longe, seus cabelos sendo tocados pela brisa...
E seus olhos apenas confessam um sentimento real, autêntico...

Olhando para o céu, ele diz:
"Senhor, Senhor! está em Tuas mãos... pois faremos a nossa parte!
A consumação dos fatos vem do alto!"

sábado, 30 de outubro de 2010

Doação


Acabei de chegar da Santa Casa. Foi uma tarde inteira orando e rezando pelos efermos que lá se encontram. Foi uma tarde de clamor e intercessão. Pedindo ardentemente pelo Espírito Santo. Pedindo misericórdia.
Eu e o meu violão. A Raíza, o Tutty, a mãe da Débora e os anjos. Todos intercedendo.
Alguns choraram em meio às canções. Outros sorriam pelo momento de paz. A Palavra vinha diretamente aos corações já cansados de se perguntar "por quê?".
Sabe, olhando para todos eles percebi o quanto o ser humano é fraco. E o quanto depende da mão protetora de Deus. Mas um enfermo me chamou mais a atenção. Um efermo que havia tido AVC e perdido metade dos movimentos do corpo.
Ele chorava ao ouvir-me cantar. Mas seu choro parecia não sair. Ele apenas abria a boca e trancava os olhos. Um sibilo de dor entrecortada se misturava à letra da canção que pedia pela misericórdia do Pai.
Meu coração se incendiou naquele momento. Senti Deus ali. De alguma forma. Parecia estar me dizendo "eis ai teu irmão... interceda por ele!".
Tive vontade até de me entregar às lágrimas também. Mas não podia no momento. Tinha de interceder e cantar. Meu coração por si já pranteava por aqueles pobres infelizes.
Derramados num leito hospitalar. Acamados. Numa atmosfera inerte de lassidão melancólica.
Oh! Pai. Como foi bom para mim. Para o meu coração. Aprender que a dor ensina. Como é bom aprender a Te louvar mesmo que na dor.
A cada dia tenho mais e mais certeza de que o verdadeiro fiel é aquele que comunga do que há de mais humano no próximo: a necessidade de Ti!

Reflexão

Este blog oscila entre diário virtual, artigos de opinião, dissertações críticas e oratório. É um rolo danado.
Hoje estou aqui para escrever sobre a Vontade e Razão de Deus.
Tudo o que acontece em nossas vidas é da Vontade do Pai. Do contrário, nada aconteceria.
Quer um exemplo?
Se eu pego gripe, quer dizer que foi da Vontade de Deus.
Por que?
Simples.
Porque se não fosse eu não pegaria.
Ou será que o vírus da gripe é mais forte que Deus?
Impossível.
Logo, se eu pego gripe, independente do compromisso importante que tiver de realizar, é da Vontade do Pai.
Por que? Eu pergunto novamente.
Porque Deus tem razões que a razão humana desconhece.
Porque o Pai tem planos que não são bem revelados ao coração impuro do homem.
Nós vivemos segundo nossa própria justiça. Achando que se Deus é justo, é porque atende e julga de acordo com a "nossa" justiça.
Errado!
Deus é justo segundo SUA própria e Divina justiça.
Se eu tiver de morrer para se cumprir um ato de justiça Divina, nada impedirá a minha morte. Isto é tão óbvio e claro quanto a morte é o destino de todos os homens que vivem.
Engraçado o quanto as pessoas RELIGIOSAS discutem com Deus. Acham que Deus é injusto ao deixar que bebês morram indefesos. Que pessoas boas morram. Que catástrofes ambientais aconteçam. Que o mal dos bandidos ocorra pelas cidades, etc.
Se esquecem de que tudo conspira para o louvor, honra e glória do Pai.
Como Jesus, que clamou para que o cálice fosse afastado, mas que a Vontade do Pai fosse respeitada e exercida Sobre o clamor do Filho.
TUDO veio do Pai Eterno. TUDO!
Isto quer dizer que só ele é temível e louvável.
Se temo o mal, estou dando poder ao mesmo.
Se temo a doença, estou dando autoridade Divina sobre esta.
Qualquer coisa que não seja o Pai e que eu temer será objeto de minha idolatria.
Quantos idólatras não existem por ai?!
Temem por suas vidas. Temem pela pobreza. Temem pela enfermidade...
Ah...
Quando, na verdade, somente UM é temível...
Porque Deus é mais terrível que uma gripe forte...
Bem mais devastador que um cataclisma!
Muito maior que o pior Tsunami que arrasa com as cidades costeiras.
Deus é o Único temível!
A partir do momento em que o indivíduo toma consciência disto, perde o medo de TODAS as outras coisas. Simplesmente porque está temendo o verdadeiro Criador de TODAS as coisas. Está prudente!
Do mesmo modo falo sobre o Amor.
Se eu amo meu trabalho, minha esposa, meus talentos, meus bens materiais ou títulos...
Estou amando objetos da criação e não o Criador dos mesmos.
Só UM é amável!
DEUS!
O Criador do Amor, por SER o próprio AMOR.
Então, aqui fecho minha reflexão sobre a razão de TODO temor e TODO Amor.
Deus é TUDO.
Amar a Deus sobre TODAS as coisas consiste nisso.
Finalmente comecei a compreender o que isto significa!

Como o livro dos provérbios diz, ao enaltecer a Sabedoria: O saber consiste no Temor do Senhor!

Que eu Te tema, oh! Senhor. E que eu Te Ame sobre TUDO.
Amém.



PS: Tudo me será acrescentado se assim o fizer.

quinta-feira, 28 de outubro de 2010

Princesa de Deus


Por onde andas, princesa do meu coração...
Dia e noite te procuro!
Procuro a tua face
Como uma rosa entre as milhares de um lindo jardim!
Oh! Linda das lindas...
Te quero junto a mim
Como o auxílio de minha vida!
Pois tu és de quem o toque suave me inebriará de Amor...
Tua voz em meus ouvidos cantará uma doce canção.
Oh! musa do meu veio artístico...
Por onde andas?
Quem és tu dentre as milhares?
Onde está tua face?
Encontrei-te?
És tu aquela que hoje me afagava os cabelos...
Quando diante do Santíssimo derramava minhas lágrimas?
Por favor...
Salva meu coração!
Seja a enviada de Deus em minha vida!
Por favor, Senhor...
Em nome do Amor!
Oh! princesa!
Encontrei uma princesa aqui!
Ela é simplesmente...
Princesa!
Queria vê-la sorrir sempre-sempre!
E que seu papel junto a mim, nesta caminhada rumo ao Céu fosse amavelmente profundo!
Que nós possamos desfrutar de uma união sagrada.
Contigo eu iria até as estrelas, para ficar mais próximo do Céu.
Louvo tua beleza, mas antes louvo a Deus por ela ser assim.
Não me esquecerei que existem pessoas assim!

...Mas oh! Princesa, salva meu coração!
Ele sucumbe na solidão!
Enquanto a fé tenta superar o Amor, eles choram pela indecisão!

Fé, Esperança e Amor...
A maior delas, porém, o Amor!
Mas insistem em por a Fé...
Senhor...
Ilumina este coração!
Oh! princesa!
Choro por ti!

A Lâmpada Enterrada


Ela tinha uma lâmpada prateada em suas mãos. Uma linda e reluzente lâmpada.
Mas certa vez decidiu enterrá-la nos fundos de seu quintal, próxima ao jardim que ela tão bem cultivava todas as manhãs.
Naquele jardim encontrava-se de tudo um pouco. Bromélias. Tulipas. Rosas brancas, vermelhas e azuis. Lírios e Bétulas. Tudo era tão vivo e lindo.

Mas aquela bela lâmpada ela enterrara. Talvez porque pensasse que assim fosse melhor para ela. Ou que fosse a única maneira de tê-la para si. Enterrada num lugar onde só ela saberia.
Não se sabe bem ao certo por quê. Mas ela não soube fazer nada além disso.
Tinha medo de mostrar aquela lâmpada cintilante aos olhos alheios. E temia a si própria perante seus próprios pensamentos. Tinha medo de si. Tinha medo!
Temia vê-la reluzir demais. Temia algo que nem mesmo ela sabia ao certo. Temia o desconhecido.
Seu medo maior era descobrir que aquele brilho provinha da Lua.

Combate

Você não vai me vencer!
Você não vai conseguir!
Você não vai tocar em mim!
Você não vai triunfar em seus planos diabólicos!
Você vai cair novamente, como sempre caiu!!!
Você vai provar o quão mal se dá aquele que tenta tocar um filho do Altíssimo!

Pois eu digo:

"A Cruz Sagrada seja a minha luz
Não seja o Dragão o meu guia
Retira-te Satanás
Nunca me aconselhes coisas vãs
É mal o que tu me ofereces
Bebe tu mesmo do teu veneno
!!!"

Tudo em Pró do Amor


Ontem o Sedex me trouxe uma carta. Abri-a. Continha um folha azulada com um texto manuscrito em letra corrida. Ao final um anel prateado. Dentro dele o meu nome esculpido por um ourives. Lembrei-me então do que se tratava. Era a despedida formalmente cordial de uma pessoa que por minha vida passou. Marcou. E hoje se foi para um lugar distante. Agora somos parceiros de um naufrágio. Na hora em que li, um filme foi se passando em minha memória. Pensamentos foram colidindo nas paredes de minha consciência. Pensei muito sobre minha situação atual. Hoje estou sozinho. Como alguém que navegou por um oceano ameno. Velejei por mares serenos, calmos. Mas não viajei por muito tempo. Parei na encosta de uma ilha. E aqui estou. Fazendo contato apenas com a Lua e o Luar. As estrelas são testemunhas de minhas declamações poéticas. Elas sabem dos meus infortúnios e sofrimentos. Minhas alegrias guardei bem fundo. Minhas tristezas lanço em prantos para fora de mim.
Cá estou buscando entender o que o Pai celeste quer de minha vida. O que sofro é por alguma boa causa. Não é em vão. Só queria saber para que fim isto se dá. Mas até mesmo esta situação de dúvida faz parte do "plano". E assim vou esperando. Agonizando em silêncio, enquanto um olhar ameno cintila na memória. Enquanto o doce perfume de uma Rosa paira em meu ar. Minha brisa serena...
Queria tanto poder sentir... Poder relaxar e me ausentar de pensamentos tão distantes. Mas preciso vagar um pouco. Logo aqui não mais estarei. Deixarei esta ilha, e rumo ao Oeste partirei. Novamente a navegar. Em busca dos sonhos perdidos. Esquecidos. Já é hora de novas rosas plantar, neste jardim de meu coração. E com a graça de Deus a chuva vai regar meus canteiros. Enquanto os pássaros farão ninhos sobre os ramos de minhas vinhas. Plantarei pomares e hortaliças de amores. Poemas com sabores. Fragrância de bons sentimentos. Tudo em pró do Amor.

Da Essência das Coisas


Não é a escola, especificamente, que torna o aluno sábio, mas é o aluno que, através da escola, se esforça em aprender e adquire o conhecimento.
Não é a espada que mata o inimigo e vence a batalha, mas o guerreiro que, ao empunhá-la com destreza, enfrenta o duelo.
Não é a igreja que salva o fiel, mas o fiel que, através dos mandamentos, da sua própria fé e amor, e da sã doutrina, encontra o caminho de sua própria salvação.

Que isto seja entendido por todos!
Nenhum lugar é santo por si próprio. Mas o evento sagrado que neste mesmo ambiente ocorreu o torna sagrado por "respeito e consciência" espiritual.
Uma biblioteca não é sabedoria, não é conhecimento, mas a partir do momento em que alunos sedentos por cognição se prontificam a estudar e pesquisar nela, aí sim, o ambiente se torna O conhecimento.
Jesus já o disse: nada que entra na boca torna o corpo e a alma impuros. Mas é o que sai do coração, sempre dos perversos e malignos de plantão.

Estou falando da essência das coisas sagradas e profanas. Da essência objetiva e prática de todas elas.
Olhe para o vinho, por exemplo. Por si só não é pecado. Mas a bebedeira SIM, é pecado.
A espada não é pecado, mas a matança de inocentes SIM, é pecado.
O sexo não é pecado, mas o adultério, a fornicação e a luxúria, SIM, tudo isso é pecado.
Repetindo, não é o objeto secundário que fundamenta o primeiro, mas o primeiro fundamenta o segundo. O que eu quero dizer com isto?
Quero dizer o mesmo que Jesus disse: não é ouvir as Palavras de Cristo que salva os homens pecadores. É "pô-las em prática".
É muito simples.
Não é a instituição que define o sucesso daquilo que ela objetiva exercer na prática. Como já expliquei no caso da escola.
Não é o colégio tal que vai tornar o meu filho sábio, mas o "esforço e interesse" dele é que fará a diferença. Precisa-se de um trabalho complementar.
Muitas pessoas acreditam que o partido político X vai resolver o problema do país em determinadas questões. Mas o que importa é o quanto seus políticos se preocupam em por em prática as ideologias do tal partido.
Não é a poesia que comove o leitor, mas o "sentimento" de comoção que ele tem dentro de si, e que é estimulado pelas palavras que condizem com o que este esteja passando no momento.
Jesus disse várias vezes "vá em paz, tua fé te salvou!" Isto nos dá margem para entender que tudo depende da essência em nós.
Não é o externo, mas o interno. O essencial está no coração do homem. Pois o adúltero, ainda citando Cristo, é aquele que pecou já e somente em "pensamento".

Língua & Linguagem


O que é a língua?
O que é a linguagem?
Várias vezes já parei para pensar sobre esta questão.
Por sorte estudo num curso que visa promover o conhecimento científico dos objetos de comunicação mais utilizados por nós: a língua - falada ou escrita.
Infelizmente este curso não disponibiliza material de "qualidade" plausível no que diz respeito ao bom estudo da língua materna, por exemplo.
Gosto de pensar sobre a língua e a linguagem humanas. Com elas eu posso transmitir o que sinto e o que penso. Posso me declarar. Posso me expressar!
A língua é o veículo pelo qual transmitimos os estados de nossa alma. Expressamos o que acontece em nosso interior.
Deve ser por isso que se diz ser impossível pensar sem a língua. Ou melhor, que quando você diz que entende algo mas que não sabe explicar, é porque não entendeu nada ainda.
Concordo. Quando não sei dizer, com minhas próprias palavras, sobre algo que me foi explicado, significa que não entendi completamente.
Eis o critério para se avaliar o quanto aprendemos das coisas. Basta se perguntar e se auto-responder. Se você souber explicar, com suas próprias palavras, você entendeu.

Observando a variedade de correntes filosóficas existentes pelo mundo a fora, percebo que a linguagem é o ponto que, muitas vezes, define a divergência de pensamento entre um filósofo e outro.
É por causa da linguagem mal interpretada, mal entendida, que há divergências de opiniões.
Olha só como isto é evidente. Muitas vezes as pessoas dizem que discordam de determinada explicação sobre algum fator teórico ou científico. Ou mesmo sobre determinada opinião.
O problema é que discordam de coisas que muitas vezes não entenderam. E isso é triste, pois é injusto.
Não se deve discordar de algo que sequer foi compreendido. Isto seria ignorância.
Devemos buscar compreender primeiro. E se após compreender ainda insistirmos em discordar, então já não é uma questão de comunicação mal efetuada. Ai é uma questão de divergência de razões para defender tal e tal opinião.
A língua é o único meio pelo qual comunicamos nossas idéias com maior eficácia.
Veja bem, sem a língua, nos limitaríamos a gestos, símbolos, ou seja lá o que for. Não há como negar isto.
Penso que tudo o que cremos depende também da linguagem espiritual com que nos utilizamos para manifestar nossa fé.
Este texto não tem nem pé nem cabeça, porque comecei a enaltecer a língua e linguagem no início, e, conforme fui escrevendo, meu pensamento foi divagando e flutuando por tópicos variadamente caóticos.

Sentir


"É tão estranho, e difícil de dizer que está tudo bem...
Se há alguma coisa... então venha entender...
O quanto só você pode dar um simples passo de cada vez
"

Ah...
Lágrimas escorrem copiosamente pela minha face...
Ao refletir sobre a profundidade deste sentir!
Por que tão grande?
Por que tão belo?
É tão lindo que dói...
Dói não saber conter tanto Amor!
Sentir que o mundo inteiro se colore mais a partir deste sentimento.
Ah...
Eu choro sozinho...
Em meu leito estou, quando em meu quarto a pensar...
Olhando para o teto, e aquele quadro tão singular!
Oh! Senhor... És Tu o meu mestre!
Somente Tu sabes do que sinto aqui dentro.
E minhas frustrações...
Minhas turbulências emocionais...
Não quero fazer o contrário da Tua vontade. Mas quero louvar-te por ter me concedido o Amar!
E por isso, em prantos, Te agradeço...
Em prantos Te louvo e bendigo!

Oh! Santíssima Virgem...
Mãe que o Senhor me dera, momentos antes da crucifixão...
"Filho... eis ai a Tua mãe!
Ele o disse...
Dito fora!
Acolho...
Sou adotado!
Tenho uma mãe, a mãe do Meu Senhor, dada por Ele próprio!
Quero, assim como tu, oh! mãe, dar o meu sim a Jesus. Diante dos Anjos do Céu.

Eu simplesmente Amo...

Eu te amo!

quarta-feira, 27 de outubro de 2010

Prostração

Eu não sei quando... Nem como...
Mas a Tua resposta virá!
Pois aqui Te entrego a minha vida...
Te entrego os meus planos...
Os meus sonhos!
Te entrego quem eu sou...
E, no Teu altar, eu deposito a minha sina, meu destino.

Consolação ao Coração


Oh! coração
Pobre ser indefeso
Quem lutará por ti...
Se a tua razão, tua irmã, está em batalha
Sim!
Numa arena de morte ela se encontra
Degladiando-se consigo própria
Oh! coração
Pobre ser indefeso
Portador do Amor
Que culpa tens de jazer neste leito...
Enxergando o deserto do pensamento
Enquanto o Sol enferrujado nasce num horizonte opaco
Coração, te prometo
Deixar-te amar
Deixar-te chorar
Deixar-te se alegrar
Pois se fores "puro" verás a Deus!!!
Mas para seres puro
Basta olhar
E se deixar levar
Pelo Amor que te amou primeiro
Não se preocupe, querido coração
O melhor do Pai está por vir
Irmão coração
Tua sina é divina
Basta esperar!

Diferencial


Mais cedo ou mais tarde essa hora teria de chegar. Sim, pois não há porque ocultar a "causa" de todo o conflito maior entre um casal que se ama. E assim a apologética terá de entrar em cena, ou talvez a misericórdia de Deus paire sobre nossos corações e desprezemos esta questão em nome do Amor maior.

Do contrário, há tanto o que dizer. Tanto o que comentar. Tanto o que revelar. Muito para se mostrar.
Mas se não for a Vontade Santa de meu Pai que está nos Céu, não direi nada!
Não vou explicar...
Não vou fazer apologética...
Porque não quero dizer algo em vão!
Quero dizer, sim, se for para cumprir o mandamento do Senhor. E que eu seja usado pelo Espírito Santo para revelar as razões de minha fé.

Porque o que une duas pessoas, antes de mais nada, não é a Fé que possuem, mas é o Amor que sentem.
São Paulo vai nos dizer isto em Coríntios 13: "ainda que eu tivesse toda a Fé, a ponto de transportar montanhas... se não tivesse o Amor, nada eu seria".
Para mim, o que importa é cumprir os mandamentos e crer no Salvador. Mas com Amor.
Não vou me apegar a picuinhas como muitos fazem, e tentar convencer, e tentar defender, porque não precisamos de defesa, mas de justificação.

E rogo-lhe: amor da minha vida, não seja como os demais que caem nesta situação!
Faça o diferencial, pelo amor de Deus!

terça-feira, 26 de outubro de 2010

Olhos e Perspectivas Existenciais


Com que olhos você enxerga a realidade a sua volta?
Já pensou nisso?
Qual o foco de sua visão e por quanto tempo você permanece "sem piscar" numa mesma direção?
É importante saber dos meios pelos quais obtemos o conhecimento da realidade objetiva.
Pois é com o ouvido que conhecemos os sons. Com a língua conhecemos os sabores. Com os olhos podemos ver a realidade imagística das coisas que nos circundam. E assim por diante.
Com que olhos você enxerga a sua própria existência?
Reflita um pouco sobre esta questão e descobrirá que a maior parte dos nossos problemas advém do grau de aumento ou diminuição das lentes com as quais enxergamos a vida.
Peguemos o exemplo de Cristo. Ele disse que não veio para abolir a Lei de Moisés, mas para aperfeiçoá-la. Foi como uma "nova visão" sobre o mesmo foco. Isto revolucionou a religião até os dias atuais.
Com que olhos você enxerga a sua vida?
Digamos que o ser humano é o único criado para a religião...
Não!
Mudei de idéia...
O homem não foi criado para a religião. Porque a religião se traduz numa tentativa humana de restabelecer a ligação primária que Adão tinha, antes da Queda, com o Criador.
Então o homem não foi criado religioso, mas se fez religioso para buscar a felicidade autêntica.
Após a grande Queda do homem, isto é, de nosso pai carnal Adão, o homem se tornou "cego" para a inocência divina. Apesar de ter tido seus olhos "abertos" para o Bem e para o Mal. Isto soa até paradoxo... mas é assim mesmo. Por mais que o homem "conheça" o Bem e o Mal, adquiriu a fraqueza perante este último. Agora temos esta maldita tendência pecaminosa em nossa carne.
Mas tudo bem, o importante é notar que, após a Queda, a única forma de fazer uma reconciliação com o Pai é de maneira religiosa. E é por isso que a religião é a única maneira de moldar-se perante a Vontade de Deus.
Deus nos instituiu a religião como antídoto para o mal do pecado. Através da práxis religiosa, o homem passa a educar-se espiritualmente. Moralizando-se. Compreendendo-se criatura pecadora, etc.
Em suma, a religião é a "lente" para os olhos embaçados do pecador. Com ela podemos enxergar a existência da maneira como Deus a vê. E, no futuro, com a Parusia de Cristo, deixaremos, como no começo dos tempos, de ser religiosos para viver as promessas da religião.

segunda-feira, 25 de outubro de 2010

Contigo é bem melhor


Não posso caminhar
Com minhas próprias forças...
Contigo é bem melhor!

Contigo o pouco é muito
Sem Ti o tudo é nada!
Minha vida é Teu mandar

O Teu caminho é o meu!
Não, eu não posso...
Não vou dar um passo sequer!
Se Deus não for comigo...
Não irei, jamais!!!


Porque hoje estou lançado aos pés da Cruz... no Santo Altar do Senhor. E lá me entrego, vencido pelo Amor de Jesus por mim; prostrado a confessar todos os meus pecados.
E é por isso que não... eu não vou, se Deus não estiver comigo, nesta empreitada futura, eu não irei.
Desta vez não serei o velho eu. Agora estou assim, revestido de uma nova armadura...
Apto a dar as razões da minha nova-velha Fé!
Convencido de minha própria miséria, seguirei por novos caminhos. Estou aprendendo a Verdade, agora sim!
Senhor, finalmente entendi que nenhuma folha sequer cai de uma árvore sem o Teu consentimento! E é por isso que TUDO o que me acontece está debaixo da Tua vontade Santa.
Tudo o que já me aconteceu, tudo o que já passei, tudo o que me atingiu...
Tudo isso veio do alto. Porque o mal não poderia nunca ter feito tudo aquilo se a vontade do Pai fosse o contrário...
Seria ilógico!!!
Ou o Diabo teria mais poder que Deus?
Impossível!!!
Se eu sofrer... é para o meu bem-maior, e não porque uma força malígna está tomando minha vida... Pois eu sei que Deus é a causa de todas as coisas.
Ele "é" o Pai!!!
E por isso não farei mais nada nesta vida. Nada enquanto não ouvir aquela suave voz...
A voz da Vontade de Deus...
Que sempre diz para que sejamos felizes "nEle". Sim. Buscando crescer com o Pai. Na disciplina espiritual Cristã. Pois Cristo veio mostrar que ninguém vai ao Pai senão por Ele. E esta é a Verdade!

Às vezes


Se você olhar na minha direção, encontrará uma seta. Uma seta que aponta para cima.
E se prestar atenção, verá que aqui, onde repouso, em meu leito de paz, jaz algo de ti. Algo que te abraça e protege. Algo "familiar".

Às vezes me pego sonhando acordado. E, olhando para as estrelas, à noite, contemplo as lembranças de um passado não muito distante. Contemplo VOCÊ!
Às vezes, ao acordar, me vejo orando por alguém em especial, pedindo para que o seu dia seja feliz como o meu. Para que seus projetos e sonhos sejam abençoados por Deus Pai.
Este alguém se encontra numa estrada tortuosa. De pedras e espinhos...
Mas uma estrada de esperança. Uma estrada que conduz a um destino divino. Não é uma estrada qualquer.
Nesta estrada também me encontro. Dando passos lentos e buscando a prudência.
Estamos juntos num mesmo ideal... numa mesma meta espiritual. E que esta meta nos conduza a um destino feliz no Pai. Pois fazer a vontade divina é nossa alegria.
"Meu prazer é te louvar, meu prazer é estar nos átrios do Senhor, meu prazer é viver na casa de Deus, onde flui o Amor".

Sigamos!

...

Sim, por Deus... Por Jesus Cristo...



"Awpjgmeuoir eghteoj woamouidodso"!!!

domingo, 24 de outubro de 2010

Consciência

-E você trabalha? Ele me pergunta.
-Sim! Respondo.
-E dá esmola????
-Não, hein! Coço a cabeça.
"Tap!"Um tapa na minha cabeça ele dá!



1 - Esmola
2 - Jejum
3 - Oração

Se um destes está faltando em nossa vida, então o tripé cai no chão.
Se não partilhamos dos bens que possuímos com os necessitados. Se não jejuamos para mortificar a carne pecaminosa onde nossa alma habita. E se não conversamos intimamente com Deus...
Não dá!

sábado, 23 de outubro de 2010

Ao Pai


Obrigado, Senhor, por mais um sábado em que pude participar de um encontro de estudos como aquele com o Luiz.
Foi esplêndido! Simplesmente um banho de discernimento e inteligência em nossas cabeças e corações. Refletindo sobre passagens bíblicas, e sobre a vida dos Teus Santos e Santas.
Oh! Senhor. Como é bom participar de momentos assim; momentos em que podemos desfrutar de crescimento interior, intelectual, espiritual, e muito mais.
Senhor, que eu aprenda sempre mais. Que Te louve sempre mais e mais. E que ao me virem, as pessoas encontrem um reflexo de Ti. Um reflexo do Teu Amor.
Sim! que eu seja como Cristo na minha conduta. Que eu busque santidade como a Corsa sedenta busca água na floresta.
Senhor, hoje entendi que só devo temer a Ti, e amar somente a Ti. Não tenho que olhar para as coisas materiais com olhos de apego. Não devo temer o leão na selva, se lá eu me encontrar um dia. Pois Tu és o único temível. És mais terrível que qualquer fera selvagem. Mais terrível que a pior tempestade.
Sim! Oh! Senhor. Tu me mostras o quão temível és. E quão grande não é minha alegria, ao saber que não devo temer mal algum, pois o Senhor é o único que pode permitir que alguma desgraça aconteça comigo.
Mesmo tentações, provações, dor, sofrimento, desgraças...
Nada escapa da Tua presença!
Nada vem de outro que não de Ti. Pois Tu és o Princípio existencial de Todas as coisas!
Senhor! como é bom louvar-te, e saber que és o único amável e adorável!
Como Teus santos nos mostraram: somente a Ti devemos temer e louvar. E não precisamos nos preocupar com mais nada.
Assim também eu quero viver. Debaixo das Tuas Santas asas. Envolto em Teu Amor de Pai. Em Tua proteção.
Pois tudo o que me acontece vem para me provar e fazer crescer.
Tudo para alcançá-Lo sempre mais.
Obrigado Pai. Por cada lágrima que derramei...
Por cada murmúrio que saiu de meu coração...
Por cada momento... alegre ou triste!
Tudo converge para o Teu louvor!
Pois felicidade é quando, na fome e na miséria, as portas se batem em nossa cara e podemos agradecer, mesmo assim, pela oportunidade de Te louvar por tudo isso!!!

sexta-feira, 22 de outubro de 2010

Ação de Graças

Senhor, obrigado por mais um dia...
Por mais uma tarde...
Obrigado por estar aqui, vivo!
Obrigado por me dar este vislumbre...
Uma vida contemplativa das tuas maravilhas!
Estou caminhando na Tua direção, como se buscasse o próprio horizonte!
Sou assim...
E continuarei para sempre, até o fim dos meus dias!

Vida Intelectual


Como o intelectual brasileiro Olavo de Carvalho sempre diz, o cidadão brasileiro não tem o hábito de traçar uma plano de vida completo. Vive a vida como se não houvesse problemas futuros. Não planeja as coisas.
O pior de tudo isso é que às vezes me vejo dentro dessa média quanto ao fator "visualização existencial projetada". Simplesmente não consigo visualizar minha vida do presente ao fim. E deveria, como diz o Olavo, enxergar um horizonte estável.
A maioria dos brasileiros não projeta sua vida, não constrói expectativas futuras, não se alicerça. E isto acaba gerando o povo descrente, desmotivado, superficial, irresponsável com os valores morais e éticos que é, um bando de desleixados por assim dizer.
É justamente por isso que não temos muitos intelectuais de valores conservadores dentro do país. A maioria vive um esquerdismo radicalizado. É um liberalismo, desprendimento religioso, ético-moral, político, filosófico e etc.
Infelizmente ser intelectual, neste país, é uma pérola. Infelizmente é como ser super-dotado de poderes extra-normais. Você não pode se fazer crítico, pensador, um possuidor de opiniões, pois acarreta para cima de si o olhar desconfiado do próximo.
As pessoas tem buscado tantas coisas e, dentro destas, tão superficiais, tão nada-a-ver que me desanima um pouco. Mas somos livres para escolher. Somos livres...
Que pena que tão poucos buscam este caminho sacrossanto de intelectualidade.
Mas dentre os poucos que buscam, deixo aqui meu sincero respeito e saudação.

quinta-feira, 21 de outubro de 2010

Aurora²


Quando o dia raiar
E você perceber
Que nem mesmo tentando
Conseguirá esquecer
Toda aquela memória
De dias tão belos
De olhares, de elos
Criados em nós...
Quando o dia raiar
Você vai refletir
Vai pensar muito ainda
Sobre todo o porvir
Vai tentar soluções
Para toda questão
Para a problemática
Até do coração!
Vai buscar lá nas rosas
Vai buscar num jardim
Numa foto antigona
Vai seguir até o fim!
Mas em breve verá
Que o futuro é aqui

Tudo


Tudo o que Deus criou é bom. Nada se exclui desta verdade. Todas as coisas, principalmente a natureza em sua fauna e flora, louvam ao Senhor. É como um coro que eleva seu canto em agradecimento pelo dom da existência. Tudo o que existe contém a impressão digital do Criador, pois nada mais lógico, se Deus é o Alfa e o Ômega de todas as coisas existentes.
Mas o homem, parcela fundamental da criação, tem desagradado em grande parte o coração do Senhor. O homem... escolhido para conter o nome de "filho" do Altíssimo" e, justo este, desonra este nome ao rezar o Pai Nosso sem ter consciência e responsabilidade no que recita.
O homem tem desaprendido a como buscar as coisas do alto. Parece que a maioria das pessoas está desinteressada na salvação. Tudo porque está desacreditada nela. As pessoas acham que a vida é apenas isso aqui, o que se vê e o que se vive. Pensam que não há nada escatologicamente verdadeiro. Alienam-se da religião. E assim buscam realização apenas nas coisas materiais.
Oh! Senhor! como tem sido difícil refletir sobre estas questões. Eu, que vivo buscando encontrar um meio melhor de Te alcançar o estado de Espírito, de sentir a Tua presença Santa, e de me redimir de meus pecados constantes...
Ah! meu Pai Eterno!
Quanto tempo durará até que a humanidade aprenda a Te louvar? Quanto tempo até que os homens amoleçam os corações para Ti? Quanto tempo até que o homem valorize a Tua Palavra Sagrada?
Quanto tempo?
Preciso buscar mais e mais! Até que enfim encontre a Verdade Sacrossanta de Cristo, e, em posse Dela, pregue-A!!!

Tudo o que o Senhor criou é bom!
A alegria, a tristeza...
O Amor... a Ira...
A luz...
A escuridão...
Tudo nos ensina a louvá-Lo! Tudo conspira para o Senhor!
Até mesmo o Mal, que é a sombra do Bem... (o que é complexo de se entender)...
Mas a Palavra diz que o Senhor extrai o Bem do próprio Mal!!!
Porque Tu és bom, Oh! Senhor! E Tu és sumamente louvável!
Porque grande és... e digno de toda honra, toda glória, agora e para sempre...
Amém!

Sentindo


Troca de olhares...
Um mergulho no oceano das possibilidades.
Janelas da alma, abertas para o Amor!
Sinceridade plena
Oh! meu Senhor!
Que sentimento é este
Que acende o imaginário!
Que faz-me sorridente
Já não mais solitário!
Caminho em meio às nuvens
Dos próprios pensamentos...
Olhando para a Lua
Que belo este momento!

Às vezes quando à noite
Me pego em meio à brisa
Pensando no Amor
Sentir que me matiza
Me sinto um astro novo
Em órbita fechada
Estou girando em ti
Ó musa tão amada!

quarta-feira, 20 de outubro de 2010

Nossa parte e a Parte de Deus


Meu aparelho dental me ensinou uma coisa divina. Como meu dentista sempre me diz nas consultas, quando comento com ele sobre o processo de alinhamento dentário, que a natureza tem seu tempo, e que isso foi Deus quem determinou.
Sabe, pensando sobre isso, vejo o quanto temos que aprender a lidar com o tempo. Somos muito ansiosos por concretizar metas e alcançar certas coisas. Por isso temos de trabalhar a paciência, e aprender também a lidar com o tempo de Deus nesta vida.
A natureza vai remodelando, através de meu aparelho dental, o alinhamento de meus dentes. Isso demanda um bom tempo. Pois já faz mais de dois anos que uso esta ferramenta de correção estética, e não tinha como ser de outro jeito.
Penso que muitas outras coisas da vida são como este processo odontológico. É como instalar um aparelho na boca para corrigir uma mordida errada ou um sorriso torto.
Precisamos fazer a nossa parte (que é comprar e instalar o aparelho). O resto fica com o Nosso Senhor, que criou a natureza e seu tempo.
Simbolicamente falando, o aparelho representa a força humana, o que se pode fazer pelos nossos problemas, e a realização de sua função, isto é, de seu objetivo, é a parte divina, do lado da força de Deus.

terça-feira, 19 de outubro de 2010

Alice


Linda manhã de sol que suave e fresca surge com o despertar da Aurora. Sonolento, me levanto para mais um dia de trabalho. Faço minha oração matinal. Agradeço pelo dom da vida. Agradeço pelas pessoas em meu caminho. E assim peço por um bom dia pela frente.
No caminho continuo minhas orações. Conversando com o Pai. Com o Espírito Santo. Com Cristo. Falo de tudo um pouco.
E desabafando com Deus, começo a me auto-comover comigo mesmo... pela miséria que sou. Pela fraqueza, pela pobreza de que padeço por dentro. E até choro em certos momentos.

Realmente... meu Senhor: "eu não sou digno de que entreis em minha morada, mas dizei UMA só Palavra e serei salvo!!!"
Nessa fé me apego. Em apenas uma só palavra de Jesus: "vá em paz, que tua fé te salvou!".
É assim que quero viver. Agora e sempre, amém.
Enquanto penso, cá com meus botões, em cada detalhe de minha vida. Em cada momento pelo qual já passei. Momentos memoráveis ou difíceis.
Meus sonhos são feitos de esperança, de Amor e de arte.

E falando em sonhos...
Um dia... com a graça de Deus, serei pai. Provarei desta vocação. E usufruirei do ato de ensinar, educar e criar.
Tenho comigo até mesmo o nome dela...
Seus cabelos serão lisos...
Seus olhos serão amenos...
Seu semblante será sereno como a brisa...
Ela será linda por dentro e por fora...
Será o meu orgulho como pai. Será protegida e bem cuidada.
Será o pequenino amor de minha vida. Para todo o sempre.
Isso é um sonho que se me apresentou quando comecei a refletir sobre esta questão existencial.