sábado, 27 de fevereiro de 2010

A ti princesa

Meu amor, quando de frio sentires teu corpo tremer...
Quando de fadiga teu peito padecer...
Se o escuro da noite a ti amedrontar...
Lembra-te de mim, pois contigo quero estar!
E por mais que às vezes brigamos ou conversamos sobre pessimismos...
Ainda assim, Deus insiste em mostrar-nos a vida que habita em nossa união!
Vivamos juntos, enquanto o ar habitar em nossos pulmões!
Amo a ti, pois és minha princesa querida.

Um comentário:

K. disse...

Amor, nao imagina o quao alegre eu estou por ler isto :D. E venho lembrar que toda bela princesa precisa de uma fonte divina para banhar-se em bencaos e de um principe para que a felicidade seja completa. Obrigada por existir e partilhar pessimos e oootimos momentos comigo, querido.(P.S.: Esse teclado nao presta!!)