quinta-feira, 13 de janeiro de 2011

Profunda Missividade

Ah... meu amor está distante de mim
Como é melancólica a saudade...
Sentir falta de alguém que se ama
Isto é romanticamente triste
Pois não se encontra consolo senão a ideia de que ela há de voltar
E no peito o silêncio grita agudo...
Eu preciso te ver!
Só sussurrar que te amo em teus ouvidos...
Mas isto é tão brega aos olhos de quem não ama "assim" como eu...
E nos momentos mais cinzentos me lembro dela
A princesa dos meus sonhos
Linda como a Primavera
Floresce no deserto de meu coração
Como uma Rosa Azul encantada pela Magia do Amor
Nós somos amados e amantes
Somos dois seres que se alejam um ao outro
Como o ímã que se persegue a sí próprio, se separado em duas metades.
Meus olhos dizem aquilo que somente os teus podem compreender e traduzir
Meu coração bate num rítmo que só você consegue sentir
Oh meu Amor!
Sinto falta de você aqui...
Ainda que ao telefone, de madrugada....
Não importa, o que quero é ter você comigo para sempre
E poder olhar para a tua face serena, a dormir um sono tranquilo...
E beijar estes lábios tão doces, qual cena de filme....
Eu te amo...
Eu te quero...
Eu preciso de ti: porque eu amo você!♥

Nenhum comentário: