segunda-feira, 31 de janeiro de 2011

Ignorância = causa das heresias

Qualquer pessoa leiga tem o "direito" de se enganar perante o significado de certos termos da própria língua. Mas o acadêmico de Letras NÃO TEM ESSE DIREITO!!!
Ora, se um aluno escreve ou fala errado perante a lei gramatical correta este é perdoado em sua condição de aprendiz. O professor de Língua Portuguesa, por sua vez, não pode desfrutar do mesmo direito. E a razão é bem simples e clara:
Ele é o responsável por passar adiante o conhecimento da Verdade em relação ao uso correto da língua.

Ok. Pensando sobre a responsabilidade do professor de Língua Portuguesa, observemos o caso em que muitos trocam palavras e seus significados por mero equívoco e desprezo pelo saber da Verdade.
Certa feita um pastor protestante (Batista) veio ter com um apologeta católico de renome no Brasil, e atacou a Igreja Católica com base (pasmem) no dicionário Aurélio!
Ora, quanta confusão este pastor não fez ao se apoiar no "Pai dos Burros" para justificar que "adorar" e "idolatrar" são palavras sinônimas!

TODOS os estudantes (SÉRIOS) das Letras sabem que NÃO EXISTEM SINÔNIMOS PERFEITAMENTE EQUIVALENTES!!!!
Será que ainda não caiu a ficha dessas pessoas?
Ora, afirmar que nós católicos estamos "adorando" Maria (Nossa Senhora) é um erro de gramática tão chulo e tacanho que gera até uma reflexão sobre a importância em se tentar explicar tal pecado.
Mas como nós temos por nós a missão da defesa do Evangelho e da Verdade, vamos "tentar" esclarecer sempre. Pelo menos não será por falta de "informação" e "aviso" que os cegos deixarão de enxergar.

O verbo "adorar" serve para designar aquele que se prostra na presença de Deus CRIADOR. Ou seja, é o verbo que define o ato de "reconhecer" algo como Criador e CAUSA da vida e TODA a existência que conhecemos (e até das supostas coisas que desconhecemos).
Ora, se eu digo que "adoro" chocolate, segundo a visão daquele pastor, eu estaria reconhecendo o chocolate como meu Criador e Salvador?????
Será que eu estava sonh... tendo pesadelos quando fiquei sabendo daqueles ataques baseados em erros de compreensão gramatical e linguística???

Quando alguém "acusa" um católico de "adorar" Maria, ele sequer está refletindo sobre o que afirma. Sequer repensa seus conceitos linguísticos. Mas isto é compreensível para aqueles que não se aprofundam no significado das palavras e de suas acepções CORRETAS.

Afinal, convenhamos: afirmar que Maria é "adorada" por uma religião inteira é afirmar que esta religião professa Maria como CRIADORA DO CÉU E DA TERRA, visto o significado REAL do verbo Adorar. O que NÃO É VERDADE nem aqui nem na China e nem no inferno.
Quanta ignorância!
Mas todos estes tipos de ataque são frutos de fundamentalismos desenfreados e restritos ao extremo. Muita falta de estudo e humildade. Afinal, quem não se espelha na Santíssima Virgem, não receberá Cristo como Ela recebera (por sua Fé e Conduta).
Pelo pecado e soberba de uma Mulher o Pecado Original entrou no mundo. Por outro lado, pela humildade e pela fé de uma outra Mulher a Salvação veio ao Mundo.

O pastor batista de Lagoinha veio dizendo que "basta olhar para o Aurélio - pai dos burros" para saber que idolatrar-venerar-amar-extremamente-adorar... são TODAS palavras sinônimas. Sem comentários....
Tsc tsc...

Voltando ao assunto, há muito o que se entender e compreender da Sã doutrina que realmente leva a Cristo. Não é pelo "livre-exame" da Sagrada Escritura, como hereticamente pregou Lutero, mas pela humildade e obediência ao supremo Pastor da Santa Igreja de Cristo.

Muito há que ser dito. Mas por hora me calo para maiores "diversões" ao passear pelos ditos heréticos espalhados pela Web.


L.

Silenciosa Testemunha do meu Querer

Deus fala com o seu profeta no deserto. No deserto da alma o Senhor se comunica com aqueles que O buscam de coração contrito. E é assim que deve acontecer para haver um encontro pessoal e profundo com o Criador.

Em meus últimos dias tenho vivido este deserto. Mas não de maneira completa. Falta mais oração e entrega. Mais confiança na providência divina. Tenho procurado mergulhar até as profundezas do meu interior, buscando encontrar certas respostas que me deixarão mais tranquilo. Tenho atirado para muitas direções. Mirando em muitos alvos.
Meu coração tem sido bombardeado por sentimentos diversos.
Minha maior carência: minha solidão interior.
Gostaria que ela surgisse logo...
Gostaria que fosse breve...
E que eu não tivesse de esperar tanto. Mas antes de exclamar qualquer coisa a respeito disso, sempre peço a vontade de Deus acima da minha.

Pois se dependesse de mim, gostaria muito de encontrá-La logo, ou que ela me encontrasse.
Só eu sei a importância que isto tem. E Deus é testemunha silenciosa do meu sofrer e do meu querer.
"Companheira"....