domingo, 13 de março de 2011

Que seja!


Navegando neste oceano de possibilidades
Tento te encontrar
Mesmo que pareça impossível
Ainda assim quero ver teus olhos
Neste oceano virtual: Internet!

Busco a tua imagem em qualquer lugar...
E procuro por alguma coisa que me leve visualmente a ti...
Só para relembrar aquele instante em que o teu simples "bom-dia" tocou meu coração!

Ah! naqueles dias, teu corpo me foi artístico motivo de inspiração poética!
Teu jeito sereno de andar...
Teu suave jeito de sorrir...
Assim...
Uma Pricnesa que não conheço!
Talvez alguém que um dia terei bons diálogos...
Ou talvez uma mera passagem por minha vida...
O que importa?!...
Sou todo ouvidos ao que o Amor ditar...
Assim verei com meus próprios olhos
A cor de uma Esperança
E o brilho de um novo olhar

Navegando por este mar de possibilidades
Procuro distraidamente por um sinal
Alguma marca tua entre as redes...
Talvez uma fagulha da tua pessoa
Ou um link de tua passagem por aqui

Em meu interior eu sei que procuro alguém...
E se Deus escolhe por mim, que seja, espero, ELA!

"Onde Está meu Amor?"

Oh! Senhor...
Onde está o Amor do meu coração?
Fico pensando, em meio à solidão...
Será que existe?
Será que devo pedir?
Olharei em seus olhos um dia?

Estou qual menino
A pedir redenção
Liberdade do coração
Para Amar e ser amado!
Simplesmente assim...

Embriagar-me de sonhos
E de alegria a dois
Mas talvez não seja o tempo
Talvez seja só amanhã
E no amanhã deposito minha fé

Um dia: "Eufemismo para NUNCA?!"
Não...
Tenho que ser constante
E manter-me na pauta
Qual partitura de sinfonia Amorosa
E "no dia certo" a encontrei
Da maneira certa
No lugar e situação certa!

Assim seja!