segunda-feira, 11 de abril de 2011

Da Mulher


Saudações a você que estiver lendo este post. Hoje o assunto será a "Mulher". E por que a Mulher? Simples. Por que, em primeiro lugar, o escritor que aqui digita é um Homem. E nada mais coerente que um Homem falar da Mulher antes dela mesma. E assim espero que aconteça da parte feminina. Que seja uma Mulher a escrever sobre o Homem antes de nós; e que ambos escrevam com propriedade da Verdade, sinceridade, humildade e discrição. Eis os critérios básicos.
Bom, sabemos (nós homens) que as mulheres geralmente são mais delicadas, sensíveis, emotivas e dóceis com as palavras que os homens. Lembrando que eu disse "geralmente" porque há exceções entre as mesmas. Também gostam de detalhes e, para as mais românticas, rosas e chocolate.
Agora, o que me chama mais a atenção na Mulher é a sutilidade ontológica ao seu corpo, sua voz, seu olhar, seus cabelos, seus movimentos gesticulativos (ou não); tudo isso que é inerente ao ser feminino. Gosto da Mulher como Adão gostou de ter sua Eva. Sim, pois todo homem é incompleto sem sua "Eva". E falo Eva no sentido de "Primeira" mulher mesmo. Naquele aspecto de ser "única". Pois para mim não é necessário ter várias mulheres para dizer que sou o "bão". Basta uma Mulher com "M" maiúsculo, que seja de valor (que acredita, segue e prega os bons costumes).
Como diz a Sagrada Escritura: a Mulher não foi feita dos pés de Adão para ser mandada por ele, nem da cabeça para mandá-lo; mas foi tirada da costela, isto é, do "lado" do Homem. Significa que a Mulher foi feita para dar suporte e auxílio ao Homem durante esta jornada aqui na Terra.
No entanto, o que tenho visto por ai é que as mulheres tem perdido a noção de sua beleza existencial para com os homens. E não têm se dado o valor real que pertence à condição feminina. A Mulher é um templo sagrado. Somente a Mulher gera a vida humana, pois fora concebida com um ventre sagrado. Imaginem só o que não significa um Ventre Feminino?! É o "forno" donde provemos todos nós. É dali que brota a vida dos maiores Heróis. Não há outro lugar. Mas as mulheres têm se esquecido deste esplêndido detalhe imanente ao ser feminino.
Claro que há muitas mulheres que se dão o real valor. Mas são poucas em relação à maioria dominante. Falo dominante no sentido de serem estas que ditam as regras e representam a Mulher no mundo num todo.

Se a maioria "sempre" vence neste mundo insano, significa que a mentira pode ocupar uma função prática pertencente à Verdade. E isto é um caos, é uma lástima!
Uma Mulher não pode ser representada por "piriguetes" nuas e rebolantes na TV. Não deve ser representada por atrizes pornográficas. Muito menos por lésbicas ou coisa parecida. O que pensar?
A maioria realmente é o que importa?
Será que esta vida não deveria ser pautada somente na Verdade, independente do que a Maioria ache!?

Mulheres, por favor, não se exponham assim...
Não demonstrem desprezo pelo valor que merecem...
Não mostrem vossos corpos à qualquer par de olhos (ou pares)...
Sejam discretas e não como carnes de vitrine de açougue: de terceira, que pode ser levada em pedaços, por partes.
Sejam como o Filé Mignon, que só fica escondido, e não pode ser levado se não for por inteiro!!!

Mulher, tu vales ouro, tu és uma Rosa!
Não te preocupes. Há alguém para ti, independente de uma maioria de homens hostis... Não te preocupes com olhares cobiçosos...
Adúlteros e promíscuos existem em todo canto...
Mas não te deixes abater...
Sonhes!!!
Anseies!!!
Ele pode vir a ti como o Sol que traz o novo dia!
E como a Lua que adorna a noite!

Obrigado por ser como és...
Espero encontrar aquela que é o que é...
E não como está sendo a maioria da "espécie".

Grosélias intelectuais


Já te ocorreu alguma vez de querer pensar algo que mudasse os rumos da humanidade? Ou quem sabe inventar alguma coisa que transformasse a forma como vivemos, algo tecnologicamente insuperável? Pois é. No meu caso, penso que a Poesia seria algo assim. Não precisa ser necessariamente um objeto palpável. Mas algo dito e insuperavelmente significativo para o Homem. Algo como "Palavras Específicas" que convertessem estados de espírito num frenesi, num êxtase, num nível completamente transcendental da Alma. Ah! como seria magnífico, esplêndido!
Mas enquanto devaneio, cá sozinho, a decepção do presente momento: não tenho palavras para mudar o estado de espírito de ninguém por enquanto! Na verdade me decepciono quando reflito sobre a possibilidade de as palavras serem insuficientes para se alcançar a Verdade em si mesma. E se isto for a Verdade? E se as palavras não passarem de criadoras de conceitos abstratos?! E se o mundo tal como o conhecemos não passar de mera criação verbal? Será?
Penso que o mundo real determina o mundo das palavras, e não o contrário. Só que a Semântica Enunciativa quer contradizer tal fato. Não acredito que o mundo lexical é o único criador de sentido de verdade. O mundo real é que determina isto. Lógico!
Bom, nem sei mais o que estou dizendo. Na verdade estou no trabalho, esperando dar o horário do almoço. A Universidade aqui está uma balbúrdia que só. É professora prum lado, é professor pro outro. É PDE. É teste seletivo. É data-show pra montar e instalar. É certificado para emitir. Ufa!
Bom, espero que hoje o dia seja ameno e feliz. Que a paz predomine acima das adversidades profissionais.

Musa

Oh! musa dos meus sonhos encantados
Por onde caminham teus pés?...
Teu rosto, ainda oculto, sorri pra mim!
Mas já posso sentir teu colo a me abrigar
Teu perfume a me inebriar

Musa dos meus sonhos coloridos de cinza
Espero-te aqui, enquanto durmo
Já bem sei quem és, se te encontro!
Ainda que esteja oculta tua face em meus momentos oníricos
Sei bem quem será quando tua face contemplar

Musa, a vida é assim
Somos parceiros de navegação
Eu e tu, você e eu...
Juntos somos UM
Nesta jornada oceânica, rumo aos portos cinzentos

Minha jóia rara, minha pedra escarlate
Conservar tua beleza ontológica é o que mais quero
Deixar-te livre para brilhar também espero!
E em meu Amor fumegante embalar-te-ei!
Deixa a solidão e caminha para mim!

Musa, sou tua expectativa em meu peito!
Sou teu sonho em minhas vigílias!
Pois estou sonhando enquanto acordo
E me deperto quando em sono!
Somos muito mais do que mil quanto juntos:
Somos... UM!

Eu te amo!