quinta-feira, 12 de maio de 2011

Agentes e Reagentes - Quesito Social

Assim como os reagentes de uma composição química qualquer, somos nós seres humanos. Poderia dizer ainda que cada indivíduo possui suas "propriedades químicas reagentes" específicas, pelas quais as relações sociais tomam suas determinadas características.
Uma relação social é como a relação química entre H2 + O. A somatória de uma substância com outra dá numa nova substância, e esta, ao se unir à outra essência, forma um outro elemento. E assim por diante.
Se eu me relaciono com determinada pessoa, com certeza nós teremos nossas peculiaridades discursivas e relacionais em geral. Isto significa que a cada vez que me relaciono com uma pessoa diferente, surge uma química social diferente. E é por isso que se diz aqui dos "reagentes sociais".
O importante, em toda essa conversa "químico-elemental", é notar o quanto a comparação pode ser pertinente para uma profunda compreensão dos padrões de relacionamento social. Dai poderíamos nos debruçar sobre as estruturas socio-ontológicas da amizade (ou inimizade), do namoro, da relação professor-aluno, dos interesses individuais de cada conversação entre duas ou mais pessoas e etc.

Observando minha própria vida social, percebo que com algumas pessoas tenho uma "química" específica no diálogo, nas gesticulações, nos sentimentos, nas ideias, enfim, em uma série de fatores externos e internos. E, basendo-me na ideia da comparação química para compreender melhor minha existência (como indivíduo social), noto que há momentos-pessoas (em) que geram em minha psique determinadas reações emocionais ou ideológicas. Como se tivesse ingerido alguma substância nociva ao bem-estar, ou benéfica (quando com amigos, por exemplo).
Se encontro uma namorada (visto que estou solteiro no momento), por exemplo, isto se dará por uma série de fatores químico-sociais que certamente terão efetivado o enlasçamento de uma relação amorosa.

Bom, a química é uma boa ferramenta (além de científica) comparativa para analisar a vida humana, bem como das relações sociais.


(continua)...