quinta-feira, 26 de maio de 2011

Erostice


Querer não é poder
Poder não é querer
Querer é só saber
Que um preço tudo tem!

Gostar não é Amar
Um beijo Amor, e vem
Se for tão frio o ódio
Daquilo que convém

Tristeza habita o escuro
De um triste coração
Ausente de notícias
Que conta a Emoção

Teus olhos me fascinam
Num tempo já passado
E agora assassinam
Um Bem que foi amado!

Por que te foste longe...
Se aqui amor já tinhas...
Agora vivo incerto
Das Luas que eram minhas!