terça-feira, 18 de setembro de 2012


Após tantas reviravoltas,
Milhares de aconteceres em meu vil existir.
Prós, contras...
Dores, prazeres...
Depois de tudo o que já me aconteceu
Cá estou, firme e forte (poderia dizer por dizer)
Na "crista da onda!" (como dizem os surfistas)...
Poderia até sorrir para o Mundo inteiro
E dizer que "hoje livre sou" (como diz a canção),
E que por isso sou Feliz!

Mas nada disso Veritas seria,
Não fosse um Amor que hoje tenho
Ao meu lado sempre atento.
Alguém que me compreende
Sendo quem sou e como sou.
Alguém que, por mais que o tempo passe,
Será a cada dia mais e mais igual a si mesma:
O Amor que Deus preparou para mim
E que eu não fazia ideia que um dia encontraria!

E tudo não passa do que a Verdade significa:
Deus é Deus e vice-versa...
Maria é Mãe, o resto é conversa!



Só queria agradecer, como para sempre o farei, a Deus por ter me concedido a oportunidade de participar do quão misericordioso Ele é ao dar-me a cuidar um ser tão... tão... tão...
Enfim, minha Amada, minha Noiva!
E queria também dizer a todos que este Amor não se escreve a lápis nas páginas da Vida! Pois este, como bem o sei, foi entregue já escrito pelo Autor dos autores, Criador dos [sub]criadores (J.R.R Tolkien).
Se fosse escrever um livro, por enquanto, título melhor não teria que "Leandro e Daniela, um Amor divinamente Eterno - li-te-ral-men-te!
Te amo, meu Amor! Que Deus nos abençoe, dia a após dia, e consagre nossos corações a cada instante em que passarmos um no outro, contemplando nos olhares a Alma que tanto ansiou uma pela outra!
E a cada vez que "mal" te sentires, lembra-te do que em nossos olhares, beijos e abraços podemos sentir: a resposta de Deus às nossas mais profundas preces!

In corde Iesu et Mariae semper!